Por Esmael Morais

Grevistas dos Correios fazem assembleias hoje para decidir se voltam ao trabalho

Publicado em 10/10/2011

Na última reunião entre a direção e os trabalhadores, o presidente do TST, ministro João Oreste Dalazen, apresentou uma proposta que prevê abono de R$ 800, a ser pago imediatamente, e aumento real de R$ 60 a partir de janeiro de 2012, além de reajuste linear de 6,87% do salário e dos benefícios. Os grevistas querem repôr os dias parados com trabalho extra e também reivindicam aumento real de R$ 80 retroativo a agosto.

Para tentar regularizar a entrega de correspondências, os Correios fizeram mais um mutirão no último fim de semana. Foram entregues 22 milhões de correspondências e feita triagem em mais 27 milhões em todo o país. Desde o início da paralisação, os mutirões foram responsáveis pela entrega de cerca de 47 milhões de cartas e encomendas e pela triagem de mais 96 milhões.