7 de novembro de 2014
por esmael
25 Comentários

Governo federal oferece verbas para aeroportos, mas Beto Richa refuta

aerob.jpg

O deputado federal João Arruda (PMDB) ocupou a tribuna da Câmara nesta quinta-feira (06) para falar sobre o Programa de Investimentos em Logística do governo federal que, segundo o parlamentar, vem possibilitando a realização de importantes obras de infraestrutura como rodovias, ferrovias, portos e aeroportos.

Mas, segundo o parlamentar, o governador do Paraná, Beto Richa (PSDB), e seu irmão, o Secretário de Infraestrutura e Logística, José Richa Filho, preferem refutar a ajuda federal e depois se fazem de discriminados pela União. à‰ o que aconteceu no caso recente envolvendo a possibilidade de estruturação dos aeroportos de Bandeirantes e União da Vitória.

2 de agosto de 2014
por esmael
15 Comentários

Dilma: ‘Fizemos aeroportos, mas ninguém ficou com a chave’

do Brasil 247
A presidente Dilma Rousseff ironizou, durante evento do PT em Montes Claros (MG), a construção, pelo adversário Aécio Neves (PSDB), de um aeroporto em propriedade que pertenceu à  sua família quando era governador de Minas Gerais. Na noite desta sexta-feira 1!º, Dilma lembrou que, em seu governo, ela construiu e aumentou a capacidade dos aeroportos, mas “não ficou com a chave” deles.

“Disseram que não ia ter aeroporto [na Copa]. Nós aumentamos a capacidade dos aeroportos em 67 milhões [de passageiros] e ninguém ficou com a chave desses aeroportos”, afirmou a presidente, pela primeira vez ao lado do ex-presidente Lula desde o início oficial da campanha. O evento lançou o empresário Josué Alencar (PMDB), filho do ex-vice-presidente José Alencar, morto em 2011, ao Senado.

De acordo com denúncia da Folha de S. Paulo, o presidenciável tucano construiu um aeródromo em uma propriedade que pertenceu ao seu tio-avô no município de Cláudio (MG), no final de seu mandato como governador mineiro. Na quinta-feira 31, Aécio admitiu ter usado a pista, segundo ele “inadvertidamente”, mesmo sem ter sido homologada pela Anac. O PT entrou ontem com ação criminal contra o candidato na Procuradoria-Geral da República.

Em outra referência ao adversário, Dilma declarou que evitará ao máximo a adoção de medidas “impopulares” ou “antipopulares” ao combater os efeitos da crise econômica em um eventual segundo mandato. A frase fez alusão ao discurso de Aécio feito em abril a empresários, quando afirmou que estaria disposto a tomar qualquer tipo de medida, mesmo “impopulares”, para que o País retomasse o rumo do crescimento. Posteriormente, ele mudou o discurso dizendo que quem toma medidas impopulares é o governo atual, do PT.

Dilma afirmou que trabalhará “sistematicamente” para não tomar decisões que prejudiquem a maioria da população. “Vamos enfrentar aqueles que acham que mudar é voltar atrás, é retroceder naquilo que havia de pior, aumentando o desemprego, fazendo com que quem paga o pato diante da crise seja o trabalhador, o pequeno empreendedor, a maioria da população”, declarou, a uma plateia de prefeitos do Norte de Minas.

15 de junho de 2014
por esmael
43 Comentários

Aeroportos funcionam e falha terrorismo midiático na Copa; só resta à  burguesia torcer contra o Brasil

Elite branca e velha mídia apostaram no 'quanto pior melhor' e perderam; terrorismo dos barões da mídia falhou, pois aeroportos funcionam normalmente, estádios ficaram prontos, trânsito flui nas subsedes, PCC e black blocs não atacaram, não há epidemia de dengue, gasolina continua no mesmo preço, salário mínimo aumentou, etc.; resta à  mal educada burguesia, aquela que mandou Dilma 'tomar no cu', usando seu linguajar chulo, torcer para a Seleção Brasileira se "foder" em campo; velha mídia errou todas as previsões que fez sobre o país na Copa, mas o bruxo Chik Jeitoso acertou todas que fez; veja os vídeos abaixo e opine.

Elite branca e velha mídia apostaram no ‘quanto pior melhor’ e perderam; terrorismo dos barões da mídia falhou, pois aeroportos funcionam normalmente, estádios ficaram prontos, trânsito flui nas subsedes, PCC e black blocs não atacaram, não há epidemia de dengue, gasolina continua no mesmo preço, salário mínimo aumentou, etc.; resta à  mal educada burguesia, aquela que mandou Dilma ‘tomar no cu’, usando seu linguajar chulo, torcer para a Seleção Brasileira se “foder” em campo; velha mídia errou todas as previsões que fez sobre o país na Copa, mas o bruxo Chik Jeitoso acertou todas que fez; veja os vídeos abaixo e opine.

Quem não se lembra das histéricas discussões na velha mídia sobre o “caos aéreo” durante a Copa do Mundo devido à  falta de infraestrutura e investimento logístico em aeroportos? A bola já está rolando no campeonato de futebol e os relatos que chegam aqui no Blog do Esmael são de perfeita tranquilidade em todo o país. Leia mais

24 de novembro de 2013
por esmael
44 Comentários

Requião: “Petistas e tucanos são tudo farinha do mesmo saco”; assista

O senador Roberto Requião (PMDB), em discurso no Senado, revisitou ditados populares brasileiros como “casa da mãe Joana”, “farinha do mesmo saco”, “pomo da discórdia”, “bicho-de-sete-cabeças”, “com o rei na barriga”, “favas contadas”, “fazer ouvidos de mercador”, dentre outras expressões usadas no dia a dia.

Sempre relacionando um adágio à  realidade brasileira, na política, Requião chegou a conclusão: “Petistas e tucanos são farinha do mesmo saco”.

O peemedebista critica o governo Dilma que disputa com a turma de FHC quem privatizou mais as empresas nacionais.

Roberto Requião se coloca como pré-candidato no PMDB à  sucessão de Dilma.

Assista ao vídeo:

Leia a íntegra do discurso de Requião:

Hoje, vou fazer um discurso diferente. Vou falar sobre os ditados populares, sobre o significado dos ditos populares.

Por exemplo, vou falar sobre a origem de ditados como: bicho-de-sete-cabeças, com o rei na barriga, favas contadas, fazer ouvidos de mercador, farinha do mesmo saco, casa-da-mãe-joana, elefante branco, pensando na morte da bezerra, andar à  toa, tapar o sol com peneira, Maria vai com as outras, Erro crasso, a toque de caixa, pomo da discórdia, ver passarinho verde.

E tantos outros.

Quer dizer, pretendo hoje uma conversa amena, lúdica, bem diversa dos temas que tenho aqui discutido.

Nada de finanças, de leilões de petróleo, de privatizações, de desindustrialização, de primarização da economia, de globalização neo-liberal, de jogos do mercado. Nada disso.

Pretendo uma agradável dissertação ao redor de um tema que tanto cativou o nosso Câmara Cascudo. Claro, vou procurar aplicar cada ditado à  nossa realidade, para que o significado deles fique bem claro, bem ilustrado.

Vamos lá.

As senhoras e os senhores sabem qual é a origem do dito fazer ouvidos de mercador?

Segundo o nosso ilustre potiguar, com o tempo, esse ditado sofreu uma adulteração, uma corrup