Requião Paz e Amor em 2022; confira vídeo do Meteoro Brasil

O ex-senador Roberto Requião, pré-candidato ao governo pelo movimento Vamos Juntos Paraná, em entrevista ao canal Meteoro Brasil, confirmou que pesquisas qualitativas lhe indicam as palmilhadas nessa pré-campanha pela volta ao Palácio Iguaçu.

No estilo paz e amor, low profile, Requião indicou dois possíveis indícios de corrupção no governo cessante de Ratinho Junior (PSD):

1- engordamento da praia; e

2- contratação de policiais penais terceirizados – além da tentativa de privatizar a Copel e a Sanepar.

– Estão cobrando tarifas de energia elétrica e água, simplesmente ilegais. Cinco bilhões depois dos impostos e dos juros, de lucro, eles mandam esse dinheiro para fora, para os tais acionistas privados. Tem caroço nesse angu ou não tem? – questionou o entrevistado.

Segundo Requião, o engordamento da praia de Matinhos, no Litoral do Paraná, está superfaturado. Ele disse que Balneário Camboriú custou R$ 70 milhões enquanto a licitação com oito empresas pelo Palácio Iguaçu custou R$ 314 milhões.

Ainda de acordo com o pré-candidato do movimento Vamos Juntos Paraná, as empresas terceirizadas ficam com R$ 32 mil pela contratação de um policial penal, no entanto, o profissional na penitenciária recebe apenas R$ 2 mil de salário.

Reclamando de censura, Requião disse que tem uma pesquisa qualitativa apontando que seu adversário Ratinho Jr. não fez rigorosamente nada e que governa para os muito ricos – abandonado os pobres à própria sorte.

– Quando eu vejo o Paraná, eu me estímulo a ser governador outra vez, como pré-candidato, porque não estou concorrendo com o Ratinho Jr. Pasmem os senhores, o Paraná não tem governo – disse.

Na entrevista aos jornalistas do Meteoro Brasil – Álvaro Borba, Ana Lesnovski e Tassio Denker -, Requião disse que a eleição de Lula é a única possibilidade de pacificar o País, acabar com a violência política, consertar a economia e liquidar a inflação.

– Sou amigo do Lula. Acho que ele tem acertos e defeitos, e que aprendeu muito. Hoje o que eu digo para aqueles que não gostam dele: vocês tem que gostar do Brasil, e votar no Lula para interrompermos esse corte no processo civilizatório.

Para Requião, Lula é a esperança que o povo tem de ver o Brasil ser retomado pelos brasileiros.

Bolsonaro é inadequado para presidir o Brasil, pelo seu comportamento, pela falta de respeito com as mulheres, pelas bobagens que diz, e por essa entrega que ele era contra. Ele queria fuzilar o FHC quando vendeu a Vale, agora ele que tá vendendo tudo – criticou.

– Nós andamos desarmados pois nesta eleição o voto é a arma do soldado cidadão – afirmou Requião.

Também sobrou canelada para o ex-juiz Sergio Moro (União):

– Respeito a dignidade do agricultor, respeito por exemplo, que não teve o Sérgio Moro, que quando juiz, mandou prender 11 agricultores, supostamente fraudadores da merenda escolar, e que foram absolvidos depois.

O pré-candidato atualizou o andamento das negociações com o PDT do Paraná:

– Estou tentando uma aliança com o PDT aqui no Paraná (…) fizemos uma proposta e agora eles vão resolver. É interessante. Eles tem quadros maravilhosos. E as ideias do Ciro não são desprezíveis, mas o comportamento me perdoe, é inadmissível.

Requião ainda declarou ao Meteoro Brasil que “todos nos paranaenses que pensam, queremos um Paraná melhor, e nós vamos conseguir isso, tenho certeza.”

– E vou ter que trabalhar muito nesse governo, vai ser um jogo duro. Mas tenho competência, experiência e equipe pra fazer isso. Nós vamos ganhar essa parada – disse “Requião Paz e Amor”, reiterando que vencerá no primeiro turno.

Blog do Esmael, notícias verdadeiras.

Assista a íntegra da entrevista de Requião ao canal Meteoro Brasil:

Requião ao canal Meteoro Brasil: governo Ratinho Jr. não existe e estado foi capturado pelos muito ricos do Paraná.