Parabéns, Moro: você quebrou o Brasil e elegeu Bolsonaro

Parabéns, Moro: você quebrou o Brasil e elegeu Bolsonaro

Os lavajatistas, saudosos, realizam um tuitaço com a hashtag #ParabensMoro em alusão ao aniversário do ex-juiz Sergio Moro. Neste domingo, 1º de agosto, o ex-todo poderoso da Lava Jato completa 49 anos de idade.

Nascido em Maringá, em 1972, Moro e seus parceiros na antiga força-tarefa Lava Jato, a partir de Curitiba, quebraram o Brasil e são responsáveis pela eliminação de milhões de empregos.

Sergio Moro também tem a culpa pela eleição do presidente genocida, Jair Bolsonaro (sem partido), quando prendeu o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) então líder nas pesquisas em 2018.

Leia também
Bye, bye, Brasil: Sergio Moro já se mudou para os Estados Unidos

Yes, o Blog do Esmael ajudou dar uma banana para a Lava Jato

CUT: Lava Jato destruiu economia nacional, empregos e direitos

Recentemente, o Supremo Tribunal Federal (STF) declarou Moro um juiz suspeito e, por isso, anulou todas as condenações e processos contra o petista.

Como paga pelo serviço, o ex-juiz virou ministro da Justiça. Durou pouco porque Bolsonaro sacou que Moro queria lhe furar o olho para ficar com sua cadeira no Palácio do Planalto.

Bolsonaro e Moro foram as piores desgraças que poderiam ter acontecido para uma civilização. Nem o Egito, alvo de dez pragas, foi tão castigado quanto o Brasil. Esse registro está no livro bíblico do Êxodo (7-11).

Parabéns, Moro: você quebrou o Brasil e elegeu Bolsonaro.

Segundo pesquisas de intenção de voto, Sergio Moro não se elegeria nem a síndico de prédio em qualquer cidade brasileira.