Mainardi chama Haddad de ‘poste de ladrão e imbecil’ e petista rebate: ‘Você é problemático’

Compartilhe agora

O K-suco ferveu nesta quarta-feira (10) durante a participação do ex-prefeito de São Paulo e ex-ministro da Educação, Fernando Haddad (PT), no Manhattan Connection, da TV Cultura. Diogo Mainardi, um dos apresentadores do programa de entrevistas, chamou o convidado petista de “poste de ladrão”.

Mainardi disse que se atiraria do décimo quinto andar, caso tivesse que votar, na eleição de 2022, em Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ou Jair Bolsonaro (sem partido), chamando ambos de criminosos. Ele ainda questionou se Haddad seria candidato ou “poste de ladrão”, em referência ao ex-presidente Lula.

“Você passou a campanha eleitoral inteira em 2018 defendendo ladrão (Lula) e os crimes praticados por esse ladrão, tanto que você perdeu. Se você não tivesse feito isso, você não teria perdido e nós não teríamos o criminoso Bolsonaro na presidência hoje. Depois do golpe de palácio ontem no STF o Lula vai tomar essa candidatura. Você é poste ou é candidato?”, questionou o apresentador.

LEIA TAMBÉM
Desmoralizada, Lava Jato tenta requentar pirotecnias após investigação da PGR

Petista não pode desanimar nunca, diz Lula em ato de comemoração dos 41 anos do PT

Biden tem acesso às conversas telefônicas com Putin que Trump tentou esconder

Em resposta, Haddad disse que Mainardi é uma “pessoa muito problemática”.

“Acabei de ouvir que poucos petistas participam desse debate (Manhattan Connection) e acho que você é um dos grandes responsáveis. Porque há muitas pessoas educadas nesse programa. Não considero você um exemplo de educação. Acho você uma pessoa muito problemática, inclusive psicologicamente”, afirmou o petista.

“Seu herói (Sérgio Moro) será desmascarado, Diogo”, completou Haddad.

Em outro momento, Diogo Mainardi chegou a chamar o petista de “imbecil”.

Assista ao vídeo: