Por Esmael Morais

Sargento da FAB preso com 39 Kg de cocaína quer culpar a esquerda

Publicado em 09/07/2019

A defesa do sargento da FAB preso com 39 kg de cocaína na Espanha afirmou ao Ministério Público Militar que há evidências de “ações clandestinas para imputar crimes” ao militar.

Ou seja, tudo teria sido uma armação da esquerda para “prejudicar a imagem do Brasil e do governo do Presidente Jair Bolsonaro”.

LEIA TAMBÉM
Agências derrubam farsa bolsonarista contra Wyllys e Greenwald

O sargento Manuel Silva Rodrigues fazia parte da comitiva que acompanhava a viagem de Bolsonaro ao Japão. A narrativa de armação fornece combustível aos lunáticos do bolsonarismo que insistem em “fake news” absurdas como o kit gay, a mamadeira de piroca, o pavão misterioso, entre outras.

Com informações do Estadão.