Temer pode ser nomeado embaixador do Brasil na Itália

Google News


O presidente ilegítimo Michel Temer (MDB) pode ser nomeado embaixador do Brasil na Itália após deixar a presidência da República.

LEIA TAMBÉM:
Justiça manda tirar tornozeleira do homem da mala de Temer

Segundo o jornal Correio Braziliense, fontes do Palácio do Planalto e do Ministério das Relações Exteriores disseram que Temer é um forte candidato para assumir a embaixada em Roma, embora o Itamaraty, procurado pelo jornal, não se pronuncie oficialmente sobre o assunto.

A indicação é tratada como uma “saída honrosa” para o presidente em fim de mandato.

Atualmente, a embaixada é chefiada por Antonio de Aguiar Patriota, diplomata de carreira e ex-chanceler de Dilma Rousseff (PT).

Veja também  Arthur Lira tenta passar um "sabão" no impeachment de Bolsonaro