5 de dezembro de 2013
por esmael
Comentários desativados em Justiça deixa ex-prefeito de Campo Largo inelegível até 2022

Justiça deixa ex-prefeito de Campo Largo inelegível até 2022

Ex-prefeito de Campo Largo, Edson Basso, foi condenado pelo juiz eleitoral Eduardo Novacki à  geladeira! até 2022; coligação Campo Largo Um Tempo Novo!, em 2012, representou contra o então prefeito da cidade que teria comprado votos para seu candidato Udo Schmidt Neto; peemedebista ainda poderá recorrer da condenação em primeira instância junto a Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

Ex-prefeito de Campo Largo, Edson Basso, foi condenado pelo juiz eleitoral Eduardo Novacki à  geladeira! até 2022; coligação Campo Largo Um Tempo Novo!, em 2012, representou contra o então prefeito da cidade que teria comprado votos para seu candidato Udo Schmidt Neto; peemedebista ainda poderá recorrer da condenação em primeira instância junto a Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

O juiz eleitoral Eduardo Novacki, de Campo Largo, região metropolitana de Curitiba, condenou o ex-prefeito do município, Edson Basso (PMDB), a pagar multas e o tornou inelegível até 2022. Leia mais