Deputada quer que todos perguntem a Bolsonaro pelos cheques de Queiroz

O presidente Bolsonaro voltou a “perder as estribeiras” ao ser questionado sobre os pagamentos de Fabrício Queiroz feitos para sua esposa e filho.

Bolsonaro disse a um jornalista do Globo que tinha vontade de “encher a boca de borrada”.

Jandira Feghali (PCdoB-RJ) escreveu em seu Twitter: “Já que Bolsonaro ficou constrangido com a pergunta de um repórter sobre os depósitos de Queiroz na conta da primeira-dama, que tal se todos passassem a confronta-lo sobre isso?

Inclusive com faixas, cartazes e outdoors?  Vai querer encher de porrada o outdoor, presidente?”

Já a jovem petista Natália Bonavides compartilhou um vídeo com a fala e escreveu:

“Mais uma vez, a resposta de Bolsonaro a perguntas sobre os casos de corrupção ligados a ele e à sua família é o ataque à imprensa. Hoje ele falou que queria encher a boca de um jornalista de porrada. Não podemos esperar pelo que ele pode fazer amanhã! #ForaBolsonaro”

Está claro que o assunto afeta muito a tranquilidade de Bolsonaro e expõem quem ele realmente é.

LEIA TAMBÉM
Folha “Oficial da União” ataca PT em editorial escroto

5 sem-teto são encontrados mortos na região central de São Paulo, diz movimento

Maduro homenageia Leon Trotski nos 80 anos de sua morte