Dólar ultrapassa R$ 5 e bolsa despenca mais 12,54%

Compartilhe agora

A semana começou bastante turbulenta na economia brasileira, com o Dólar valendo R$ 5,06 e a bolsa despencando mais de 12,81% (por volta das 16h47).

Estima-se em 50% os valores evaporados da bolsa em apenas dois meses, ou seja, desde o início deste ano. As ações de pequenos investidores viraram pó com a desvalorização das empresas.

A moeda brasileira, o Real, coitado, ostenta o título de pior dinheiro do mundo. Foi o mais desvalorizado nesses últimos dias.

LEIA TAMBÉM
Janaina Paschoal quer Mourão no lugar de Bolsonaro

Barraco: Major Olímpio e João Dória quase saem no tapa em São Paulo; assista

Internautas reagem e #ForaBolsonaro sobe no Twitter

O coronavírus é uma escusa para o crash na economia, porém a crise já era anunciada e o governo Jair Bolsonaro e seu “Posto Ipiranga”, o ministro Paulo Guedes, nada fizeram para minimizar o sofrimento do povo.

A crise, antes de tudo, é de confiança.

Os ditos mercados não confiam em Guedes, muito menos em Bolsonaro.

A economia real, concreta, verdadeira, deixou de existir sob o desgoverno atual. Não há consumo, nem mercado. Há recessão. A economia parou, travou. Eis o quadro.