Terrorista que atacou Porta dos Fundos é ‘bolsonarista’ do PSL


A Polícia Civil do Rio identificou um dos terroristas que participou do atentado contra o Porta dos Fundos. Trata-se de Eduardo Fauze Richard Cerquise que é filiado ao PSL e integra a Frente Integralista Brasileira, que anunciou nesta tarde de terça-feira (31) a sua expulsão do grupelho fascista.

O terrorista foi identificado por câmeras de segurança após retirar o capuz momentos depois do ataque, no dia 24 deste mês. Para identificá-lo, a polícia utilizou imagens de mais de 50 câmeras de segurança do bairro Humaitá, zona sul do Rio.

O grupelho fascista Frente Integralista Brasileira anunciou em seu site a expulsão de Eduardo Fauzi, “O Conselho Diretivo Nacional da FIB, em reunião extraordinária, decidiu em caráter irrevogável expulsá-lo das fileiras da FIB e conclamar aos leais companheiros que tiverem informações que possam ajudar na elucidação do caso que cooperem com as autoridades policiais”, diz a nota do grupo.

LEIA TAMBÉM:

Urgente: Polícia do Rio identifica terrorista que atacou Porta dos Fundos

Integralistas reivindicam atentado contra Porta dos Fundos; assista

Sede da Porta dos Fundos sofre atentado com ‘coquetéis molotov’ nesta terça