Saiba quem é o juiz que mandou prender Beto Richa

Afinal, quem é o juiz “peitudo” que mandou prender nesta terça (11) o ex-governador do Paraná Beto Richa? Trata-se de Fernando Bardelli Silva Fischer, da 13ª Vara Criminal de Curitiba, filho do ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Felix Fischer, relator da lava jato na corte.

LEIA TAMBÉM
Gilmar Mendes critica calendário eleitoral da lava jato e pede freio no MP

Embora o coordenador do GAECO (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), Leonir Batisti, jure que foi “pura coincidência” a operação casada com a Polícia Federal, na madrugada de ontem, a conexão do magistrado estadual com a lava jato tem o DNA paternal.

O juiz Fernando Fischer, ao decidir pela prisão de Richa e de seu séquito, argumentou que “o deferimento da prisão temporária garantirá uma maior probabilidade de sucesso no cumprimento da medida de busca e apreensão pleiteada, evitando que os investigados se desfaçam dos possíveis elementos de provas que tenham posse durante a deflagração da operação investigatória.”

Segundo a própria peça de acusação, os ilícitos teriam ocorridos no longínquo ano de 2013; tempo mais que suficiente (5 anos) para desfazer das alegadas provas que o magistrado quis proteger.

Beto Richa estava na 2ª posição na corrida por uma das duas vagas ao Senado, com 28%. Logo na sequência vinha o ex-vice-governador Flavio Arns (Rede), com 17%.

A pergunta que não quer calar nesses tempos de lava jato é: quem é o principal beneficiário da prisão do tucano?

Comentários encerrados.