Por Esmael Morais

Prisão de Beto Richa pode alterar cenário eleitoral no Paraná

Publicado em 11/09/2018

A prisão do ex-governador Beto Richa (PSDB), na manhã desta terça (11) pela Operação Piloto, no âmbito da lava jato, pode alterar o quadro eleitoral no Paraná.

Primeiramente, o maior beneficiado direto com a prisão do tucano é o ex-vice-governador Flávio Arns (Rede) terceiro na disputa pelo Senado.

LEIA TAMBÉM
URGENTE: EX-GOVERNADOR BETO RICHA É PRESO EM CURITIBA

Segundo o Ibope, Roberto Requião (MDB) lidera a disputa ao Senado com 43%, Richa tem 28% e Arns 17%.

O candidato ao governo do estado João Arruda (MDB), sobrinho de Requião, também poderá ser beneficiado se souber trabalhar este ‘fato novo’ que é a prisão de Richa.

LEIA TAMBÉM
Professores do Paraná fazem campanha contra eleição de Beto Richa ao Senado

Os dois primeiros colocados na corrida pelo Palácio Iguaçu, deputado Ratinho Junior (PSD), com 42%, e a governador Cida Borghetti (PP), com 13%, foram gerados dentro do ventre de Beto Richa.

Ratinho foi supersecretário do Desenvolvimento Urbano (SEDU) e Cida era vice no governo Beto Richa.