14 de junho de 2015
por Esmael Morais
20 Comentários

Álvaro dispara contra Richa: “impressão é de que o Paraná está de pernas para o ar”; assista ao vídeo

O senador Álvaro Dias, ícone do PSDB no Congresso Nacional, não compareceu na convenção estadual do PSDB do Paraná, neste domingo (14), em Curitiba. Ao Blog do Esmael, o tucano afirmou que fizera um roteiro pelo Oeste do estado e hoje estaria em Brasília.

Em entrevista à TV Tarobá, do município de Cascavel, o parlamentar do PSDB disparou contra o governador Beto Richa ao afirmar que a “impressão é de que o Paraná está de pernas para o ar”.

Assista ao vídeo

Álvaro parece não querer se misturar com a tropa do correligionário Beto Richa cujo governo se afunda em lama. Na semana que passou todos os chefes de fiscalização da Receita Estadual foram para a cadeira em virtude de corrupção.

De certa forma o senador foi “absolvido” do episódio de 30 de agosto de 1998, quando era governador, pois o massacre de 29 de abril, também contra os professores, autorizado por Richa, ganhou em dimensão e importância devido às redes sociais.

Em Brasília, fala-se que Álvaro Dias deixará o PSDB em breve. Ele flerta com o PMDB, mas tem no radar um novo partido. Sonha com o Palácio Iguaçu, mas, para isso precisa se diferenciar de Beto Richa. Portanto, o caro leitor não pode estranhar caso os dois tucanos voltem se bicar publicamente.

Leia mais

25 de fevereiro de 2014
por Esmael Morais
17 Comentários

Rato morto e bituca de cigarro na comida de presos no Paraná; assista

"Eles não estão sendo tratados como porcos porque porcos são melhores tratados do que eles", disse promotor de Justiça, Caio Bergamo Marques, sobre a situação da cadeia pública de Marechal Cândido Rondon; estrutura precária para dezoito abriga 160 presos, que relatam carne estragada que vem com bituca de cigarro e, de brinde, tem rato morto que fica na parte externa da cela; comissão de vistoria recomende a interdição do local; assista ao vídeo.

“Eles não estão sendo tratados como porcos porque porcos são melhores tratados do que eles”, disse promotor de Justiça, Caio Bergamo Marques, sobre a situação da cadeia pública de Marechal Cândido Rondon; estrutura precária para dezoito abriga 160 presos, que relatam carne estragada que vem com bituca de cigarro e, de brinde, tem rato morto que fica na parte externa da cela; comissão de vistoria recomende a interdição do local; assista ao vídeo.

Integrantes de Comissão de Vistoria na cadeia pública de Marechal Cândido Rondon, no Oeste do Paraná, realizada pela Vigilância Sanitária, Ministério Público e Secretaria de Justiça ficaram alarmados com o que viram.  ... 

Leia mais