Ex-negacionista, Boris Johnson entra em isolamento social com 2ª onda de Covid

O ex-negacionista Boris Johnson, primeiro-ministro do Reino Unido, decidiu ficar em isolamento social por duas semanas, após ter contato com uma pessoa que testou positivo para a Covid-19.

O premiê, que contraiu a doença ainda no mês de março, afirmou que usará meios eletrônicos para se reunir com assessores e membros do governo durante o período.

Boris Johnson sofreu um intenso processo de cuidado intensivos durante o internamento e emagreceu bastante com a doença. Na ocasião, o político elogiou o “fantástico” NHS britânico, sigla em inglês do Sistema de Saúde Nacional do Reino Unido – o SUS britânico- que foi o responsável por seu tratamento e recuperação.

LEIA TAMBÉM:

Governadora de Santa Catarina, Daniela Reinehr, está com Covid-19

OMS declara 2021 ‘Ano Internacional dos Trabalhadores da Saúde’

Vacina da Moderna contra Covid-19 tem eficácia de 95%, aponta estudo

Boris Johnson abandonou os seus antigos companheiros negacionistas como o derrotado presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e o presidente brasileiro Jair Bolsonaro – que classificou a Covid-19 como uma “gripezinha”.

Uma segunda onda de Covid-19 varre a Europa neste momento.

*Com informações da Veja