Colapso no Rio: Crivella suspende pagamento da 2ª parcela do 13º salário


Com a economia em colapso, o prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, ordenou a suspenção de todos os pagamentos da segunda parcela do 13º salário dos servidores públicos municipais.

O decreto assinado pelo secretário municipal da Fazenda, Cesar Augusto Barbiero, interrompe as atividades do Tesouro Municipal, de acordo com a publicação no Diário Oficial do Município desta terça-feira (17). A resolução tem efeito desde as 14h desta segunda-feira (16).

LEIA TAMBÉM:

Prefeitura do Rio de Janeiro suspende todos os pagamentos e movimentações financeiras

Especialista em ‘fake news’ foge do Brasil após ameaças de bolsonaristas

Liderança do PSL: Eduardo Bolsonaro sobe; Joice Hasselmann cai

A prefeitura do Rio informou, em nota, que a medida tem como objetivo ajustar o caixa do município, em função dos arestos definidos pela Justiça. “O procedimento pode ser revertido a qualquer momento”, diz o comunicado.