Por Esmael Morais

Moro, o ministro da corrupção

Publicado em 11/11/2018

O futuro ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, promete fazer uma nova e arriscada cruzada contra a corrupção.

LEIA TAMBÉM
Gleisi: Entrevista de Villas Boas à Folha evidencia trama política contra Lula

Embora cercado de investigados, réus e corruptos no próximo governo, Moro terá de lidar com a tentação de criar uma polícia política contra adversários.

Será arriscada a manobra do novo ministro para alinhar o aparato policial ao seu programa se ela conotar retrocesso ao mandonismo, ainda que de boa-fé. Muitos expurgos na história começaram assim”, adverte o editorial da Folha.

O jornalão paulistano acredita que há risco de Moro descambar para a agenda persecutória do governismo, haja vista que o Ministério da Justiça reivindica o Conselho de Atividades Financeiras (Coaf), hoje na Fazenda.