Alexandre de Moraes pede vistas e congela julgamento de Boslonaro no STF

O ministro Alexandre de Moraes do Supremo Tribunal Federal pediu vistas e suspendeu na tarde de hoje (28) a análise de uma denúncia contra Bolsonaro (PSL) pelo crime de racismo.

O processo tramita na primeira turma do STF.

Roberto Barroso e Rosa Weber já haviam votado a favor da denúncia apresentada pela Procuradoria-Geral da República.

O relator, Marco Aurélio Mello, e Luiz Fux rejeitaram a denúncia.

LEIA TAMBÉM: Bolsonaro no bico do corvo; STF faz justiça ou tapetão para ajudar tucano?

A denúncia baseia-se na fala de Bolsonaro em uma palestra. Ele disse: “Alguém já viu um japonês pedindo esmola por aí? Porque é uma raça que tem vergonha na cara. Não é igual essa raça que tá aí embaixo ou como uma minoria tá ruminando aqui do lado.”

Ele também disse que visitou uma comunidade quilombola onde “o afrodescendente mais leve pesava sete arrobas.”

“Não fazem nada! Eu acho que nem para procriador eles servem mais. Mais de um bilhão de reais por ano gasto com eles.”

Bolsonaro já é réu no STF pelos crimes de injúria e incitação ao crime de estupro.