Requião: “Não combatem corrupção, apenas anestesiam a Nação!”

O senador Roberto Requião (MDB-PR), neste sábado (21), feriado de Tiradentes, desmistifica a prisão do ex-presidente Lula que supostamente seria para combater a corrupção. “Não combatem corrupção, apenas anestesiam a Nação!”, afirmou.

Requião observa que enquanto Lula está preso politicamente e os movimentos sociais estão acampados no entorno da Polícia Federal, em Curitiba, o presidente da Petrobras, Pedro Parente, doa por R$ 16 bilhões o patrimônio da estatal que vale mais de R$ 200 bilhões.

“É o Brasil que estão liquidando!”, lamenta o parlamentar que preside a Frente Ampla em Defesa da Soberania Nacional.

“Lula preso, Aécio será imolado no altar a Mamom. Enquanto o estado social e a soberania do nosso Brasil são liquefeitos no interesse dos bancos e do capital financeiro. Não combatem corrupção, apenas anestesiam a Nação!”, tuitou Requião.