22 de outubro de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em URGENTE: MARINA DECLARA VOTO EM HADDAD

URGENTE: MARINA DECLARA VOTO EM HADDAD

A ex-presidenciável Marina Silva (REDE) declarou voto em Fernando Haddad (PT) para conter o perigo à democracia representado pela candidatura de Jair Bolsonaro (PSL). ... 

Leia mais

6 de outubro de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Lula divulga a carta da vitória de Haddad

Lula divulga a carta da vitória de Haddad

O ex-presidente Lula divulgou nova carta neste sábado (6), a poucas horas do início da eleição, pedindo voto para Fernando Haddad. Leia a íntegra da carta. ... 

Leia mais

5 de setembro de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Requião diz em quem NÃO votar na eleição; ouça o áudio

Requião diz em quem NÃO votar na eleição; ouça o áudio

Com o burro debaixo da sombra, liderando a reeleição ao Senado, com 43% de intenção de voto, segundo o Ibope, o senador Roberto Requião (MDB-PR) disparou um áudio para as rádios e redes sociais dizendo aos eleitores em quem NÃO votar na eleição de outubro. ... 

Leia mais

20 de abril de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Lula vence até no BBB18

Lula vence até no BBB18

Por meio de seus porta-vozes, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva capitalizou a vitória de sua fã Gleici no BBB18 da Globo. “Quando é no voto, a gente ganha sempre. Parabéns Gleici!”, registrou o petista nas redes sociais. ... 

Leia mais

2 de agosto de 2017
por Esmael Morais
32 Comentários

Veja como votaram os deputados do Paraná

A maioria na bancada do Paraná votou pelo arquivamento da denúncia do ilegítimo Michel Temer. Leia mais

5 de outubro de 2014
por Esmael Morais
5 Comentários

Coluna do Rocha Loures: Votar, participar e cobrar os eleitos

Rocha Loures, em sua coluna deste domingo, dia de eleição, destaca a importância do voto para a cidadania e democracia brasileiras; "à‰ preciso votar em políticos com passado limpo e propostas que contribuam para a melhoria de vida da coletividade", afirma o colunista, alertando para que o eleitor não caia no senso comum segundo qual "todos os políticos são iguais"; "... existem muitos que são dedicados e procuram fazer um bom trabalho no cargo que exercem", sugere Rocha Loures; leia o texto e compartilhe.

Rocha Loures, em sua coluna deste domingo, dia de eleição, destaca a importância do voto para a cidadania e democracia brasileiras; “à‰ preciso votar em políticos com passado limpo e propostas que contribuam para a melhoria de vida da coletividade”, afirma o colunista, alertando para que o eleitor não caia no senso comum segundo qual “todos os políticos são iguais”; “… existem muitos que são dedicados e procuram fazer um bom trabalho no cargo que exercem”, sugere Rocha Loures; leia o texto e compartilhe.

Rodrigo da Rocha Loures* ... 

Leia mais

4 de outubro de 2014
por Esmael Morais
6 Comentários

Coluna do Ricardo Gomyde: O Paraná diante de uma encruzilhada histórica

Ricardo Gomyde*

Na democracia, sabemos, o povo é chamado, periodicamente, a dizer para qual direção o país deve seguir. Ao votar amanhã, portanto, cada eleitor brasileiro terá diante de si uma decisão crucial: avançar ou retroceder. Para avançar, ao apertar os botões da urna eletrônica o cidadão e a cidadã terão de levar em conta algumas questões básicas; a principal delas é querer, de verdade, que o desenvolvimento nacional continue. A engrenagem que gera um processo como esse é econômica, mas quem gira a ignição é um valor político coletivo.

No caso do Brasil, a partida foi acionada com sucesso em 2002, 2006 e 2010, e o resultado é uma nação bem mais desenvolvida, econômica e socialmente, do que a entregue pelos que até então governavam o país. Pela via política, pavimentada com desprendimento e visão estratégica, temos, mais uma vez, a grande chance de continuar ampliando a democracia também no aspecto econômico, consolidando a ideia do casamento da produção em massa com distribuição em massa.

Para fechar a equação, entretanto, o emprego e a renda !” as principais fontes desse progresso social !” devem ser valores muito bem avaliados ao tomarmos a decisão sobre em quem votar. No Paraná, temos dados concretos para decidirmos o voto; fatores que mostram a causa do crescimento da nossa economia e que compõem um cenário contrastante com a defasagem da infraestrutura, decorrência da má-vontade dos governantes do Estado em se inserir na lógica federal de progresso social.

Consumo per capita

Segundo números divulgados esta semana pela IPC Marketing Editora, especializada no cálculo de índices de potencial de consumo, o Paraná foi grandemente beneficiado pelo ciclo iniciado, no âmbito federal, nos anos 2000. Em 1999, o potencial de consumo total no Estado foi de cerca de R$ 40,6 bilhões; a estimativa para este ano é de que o paranaense gaste R$ 200,7 bilhões, um salto de mais de 440%, ou R$ 160,1 bilhões de diferença.

Nosso estado poderia ter aproveitado bem melhor esse cenário que se repete em todo o país, reflexo das políticas econômicas que olharam para a distribuição da renda e para a ampliação do consumo. O impacto de medidas para gerar emprego e renda !” como a valorização do Salário Mínimo e os programas sociais, como o Bolsa Família! e Minha Casa, Minha Vida”, para citar apenas alguns exemplos !” na expansão das classes que antes viviam à  margem do consumo é gigantesco.

Os brasileiros, atualmente, segundo os dados da Marketing Editora, consomem quase R$ 3,3 trilhões, ante os R$ 566 bilhões movimentados em 1999. De acordo com o levantamento, o consumo per capita da população residente nas áreas urbanas subiu de R$ 4,4 mil em 1999, para R$ 17,7 mil em 2014, o que representa uma variação de mais de 303%.

Manutenção do lar

No Paraná o potencial de consumo das classes B e C !” as mais beneficiadas pelas políticas do governo federal !” respondem por quase três quartos da capacidade de consumo no Estado (R$ 143 bilhões para este ano). A classe A, sozinha, responde por R$ 35,3 bilhões. As classes D e E colaboram com mais R$ 4,7 bilhões de expectativa de consumo, mesmo correspondendo a apenas 9,35% dos domicílios no Estado.

Segundo o levantamento, de longe a manutenção do lar é o que mais leva o paranaense a gastar. São R$ 43,6 bilhões de capacidade de gastos previstos para este ano. Em 1999 eram R$ 5,5 bilhões. O segundo item em que o paranaense mais gasta é alimentação no domicílio !” R$ 17,9 bilhões em 2014 contra R$ 6,7 bilhões em 1999. A manutenção do veículo próprio neste ano deve ficar em R$ 10,4 bilhões contra R$ 1,3 bilhão em 1999. Material de construção é outro que tem potencial de consumo importante para este ano, e chega a R$ 16,5 bilhões. Há 15 anos nem constou da relação.

Lembremos que, no começo dos anos 2000, de cada cinco pessoas duas só ganhavam o suficient Leia mais

16 de agosto de 2014
por Esmael Morais
7 Comentários

Coluna do Gomyde: A soberania do voto contra o poder econômico

Ricardo Gomyde, em sua coluna deste sábado, discorre sobre a teoria da ditadura militar segunda qual o povo brasileiro não estava apto para votar; "[Ernesto] Geisel deu ao autoritarismo histórico da elite brasileira uma formulação mais elaborada ao dizer que em primeiro lugar deve vir o crescimento econômico, depois o bem-estar social", analisa o colunista; Gomyde destaca ainda que uma reforma política democrática, a soberania do voto e a vontade popular certamente mandariam para casa velhas raposas que se encastelaram em postos eletivos. E promoveriam uma renovação na política brasileira, que seria oxigenada com novas lideranças e ideias avançadas!; leia o texto e compartilhe.

Ricardo Gomyde, em sua coluna deste sábado, discorre sobre a teoria da ditadura militar segunda qual o povo brasileiro não estava apto para votar; “[Ernesto] Geisel deu ao autoritarismo histórico da elite brasileira uma formulação mais elaborada ao dizer que em primeiro lugar deve vir o crescimento econômico, depois o bem-estar social”, analisa o colunista; Gomyde destaca ainda que uma reforma política democrática, a soberania do voto e a vontade popular certamente mandariam para casa velhas raposas que se encastelaram em postos eletivos. E promoveriam uma renovação na política brasileira, que seria oxigenada com novas lideranças e ideias avançadas!; leia o texto e compartilhe.

Ricardo Gomyde* ... 

Leia mais