14 de junho de 2018
por esmael
Comentários desativados em Moro tenta conexão entre sítio de Atibaia, Petrobras e Lula

Moro tenta conexão entre sítio de Atibaia, Petrobras e Lula

Ensandecido por mais uma condenação de Lula, o juiz Sérgio Moro tenta estabelecer conexão entre o ex-presidente, o sítio de Atibaia (SP) e propinas na Petrobras. ... 

Leia mais

10 de março de 2015
por esmael
33 Comentários

Coluna do Enio Verri: “Cadê o dinheiro do Paraná, Beto Richa?”

richa_greve_enio.jpg*Enio Verri

O Paraná fechou 2014 com déficit com fornecedores e servidores de R$ 4,65 bilhões, um aumento de 120% em relação ao valor da dívida em 2010, segundo dados do Portal da Transparência do governo estadual.

O estarrecedor é que o resultado negativo aconteceu num contexto de amplo crescimento das receitas do Estado, partindo de R$ 25 bilhões em 2011 para R$ 34 bilhões em 2014.

A greve dos professores, que terminou nesta segunda-feira, durou 29 dias e afetou mais de 1 milhão de estudantes. Porém, demais servidores estaduais continuam em greve geral, como trabalhadores da saúde, agentes penitenciários, bombeiros e servidores das universidades estaduais.

Na semana passada, o secretário da Fazenda do Paraná, Mauro Ricardo Costa, admitiu em Audiência Pública na Assembleia Legislativa que o rombo no caixa e a situação caótica do Paraná é resultado de erros primários da administração tucana entre 2011 e 2014. Leia mais

17 de dezembro de 2014
por esmael
22 Comentários

Veja como a Educação está bancando o fracasso da gestão Beto Richa

richa_surpresa_educacao.jpgQuando a senadora Gleisi Hoffmann (PT) afirmou numa das tiradas mais sensacionais da campanha, durante debate na TV Band, que o governador Beto Richa (PSDB) parecia mais um Kinder Ovo!, pelas constantes surpresas, ela não fazia ideia de que estava definindo politica e sociologicamente como é a gestão do tucano no Paraná. Os educadores que o digam, conforme relato abaixo.  ... 

Leia mais

10 de dezembro de 2014
por esmael
11 Comentários

Quebrado, Coxa imita Beto Richa e dá calote em funcionários

ribeiro_coxa_incompetencia.jpgO presidente do Coritiba, Vilson Ribeiro de Andrade, está sendo acusado carta por ex-funcionários do clube de administração temerária e de apropriação indébita de recursos, pois, de acordo com os acusadores, o dirigente deixou de recolher por 5 Anos o FGTS dos funcionários do futebol profissional. Em carta, eles reclamam ainda de calote na rescisão trabalhista seis meses depois de demitidos.

O médico Walmir Sampaio, em artigo publicado no site COXAnautas, corrobora as acusações contra Ribeiro de Andrade e também classifica a administração do time do Alto da Glória como incompetente.

“Se em campo a situação está resolvida, fora dele o torcedor apto a votar poderá afastar outra grande ameaça ao futuro do clube: a atual gestão. Gestão que fez promessas e não cumpriu, que afastou pessoas competentes por discordarem dos seus métodos, que perdeu a credibilidade e se cercou de omissos ou apadrinhados que jamais discordam de coisa alguma. Não haverá futuro melhor sem mudanças na gestão e nos métodos”, prega o médico.

O governador Beto Richa (PSDB) é ‘exemplo vivo’ de incompetência administrativa. No primeiro mandato, quebrou o Estado. Reeleito, o tucano agora ameaça quebrar até a iniciativa privada aumentando o ICMS dentre outras maldades.

Para integrantes da chapa oposicionista “Coxa Maior”, sem entrar no mérito da comparação política com Richa, a reeleição de Vilson Andrade poderá representar um desastre para o clube, que poderá se endividar mais e voltar à  ZR em 2015.

Cerca de 9 mil torcedores coxa-branca vão à s urnas neste sábado, dia 13, para escolher a nova direção do clube. O maior eleitor, o ex-capitão Alex, deverá anunciar nesta quinta (11) apoio à  chapa comandada pelo cartorário Rogério Bacellar e o empresário André Macias. Sua mulher, Daiane, reforça a chapa oposicionista.

A seguir, leia a íntegra da carta dos ex-funcionários do Coxa: Leia mais

8 de julho de 2014
por esmael
15 Comentários

Coluna do Enio Verri: a incoerência do governo Richa parece não ter limites

Enio Verri, em sua coluna desta terça, afirma que perspectiva de derrota na eleição de 5 de outubro, refletido no fracasso da gestão levou os tucanos a apelarem para inverdades e irresponsabilidades!; colunista comenta nota de esclarecimento! do governo Beto Richa acerca do imbróglio entre Copel e Aneel no que diz respeito ao aumento na conta de luz; segundo o colunista, os últimos meses! do governo do PSDB ficarão marcados pela incompetência que administrou o Paraná; petista vê jogada eleitoreira! no tarifaço parcelado em 25% agora e 10% a posteriori; leia o texto e compartilhe.

Enio Verri, em sua coluna desta terça, afirma que perspectiva de derrota na eleição de 5 de outubro, refletido no fracasso da gestão levou os tucanos a apelarem para inverdades e irresponsabilidades!; colunista comenta nota de esclarecimento! do governo Beto Richa acerca do imbróglio entre Copel e Aneel no que diz respeito ao aumento na conta de luz; segundo o colunista, os últimos meses! do governo do PSDB ficarão marcados pela incompetência que administrou o Paraná; petista vê jogada eleitoreira! no tarifaço parcelado em 25% agora e 10% a posteriori; leia o texto e compartilhe.

Enio Verri* ... 

Leia mais

10 de junho de 2014
por esmael
19 Comentários

Coluna do Enio Verri: Beto mentiu e fracassou ao quebrar o Paraná

Tanta dificuldade em manter as contas em ordem é sintoma da tremenda incompetência gerencial de Beto Richa. Ele prometeu que faria

Tanta dificuldade em manter as contas em ordem é sintoma da tremenda incompetência gerencial de Beto Richa. Ele prometeu que faria “mais com menos”, mas a verdade é que fracassou até mesmo em fazer “mais com muito mais”!. à‰ o que conclui Enio Verri, em sua coluna nesta terça; parlamentar do PT afirma que arrecadação do Paraná cresceu quase 50% entre 2010 e 2013, mas, mesmo assim, o governador do PSDB conseguiu quebrar o estado; segundo o colunista, diante da dívida confessada de R$ 1,1 bi e do desespero para fazer caixa, o governo tucano até tentou leiloar as florestas por R$ 100 milhões; leia o texto e compartilhe.

Enio Verri* ... 

Leia mais

27 de maio de 2014
por esmael
25 Comentários

Coluna do Enio Verri: Incompetência do governo Richa atrasa liberação de empréstimo ao Paraná

O governo Beto Richa atrasa novamente liberação de financiamento de R$ 817 milhões do Proinveste ao pedir para assumir a dívida de R$ 2 bilhões do Badep; se não tivesse feito essa nova barbeiragem, os recursos já teriam sido depositados no caixa paranaense; relato e análise são do deputado Enio Verri, em sua coluna desta terça; petista afirma ainda que, anteriormente, empréstimo bateu na trave porque o tucano ultrapassou o limite prudencial de gastos com funcionalismo e não realizou os investimentos mínimos em saúde conforme determina a Constituição; leia o texto e compartilhe.

O governo Beto Richa atrasa novamente liberação de financiamento de R$ 817 milhões do Proinveste ao pedir para assumir a dívida de R$ 2 bilhões do Badep; se não tivesse feito essa nova barbeiragem, os recursos já teriam sido depositados no caixa paranaense; relato e análise são do deputado Enio Verri, em sua coluna desta terça; petista afirma ainda que, anteriormente, empréstimo bateu na trave porque o tucano ultrapassou o limite prudencial de gastos com funcionalismo e não realizou os investimentos mínimos em saúde conforme determina a Constituição; leia o texto e compartilhe.

Enio Verri* ... 

Leia mais

20 de abril de 2014
por esmael
37 Comentários

Diretor da Abril vê o mais “incompetente” governo em Dilma

do Brasil 247 O Brasil acabou. Está em petição de miséria, é um caso perdido e não terá solução, caso a presidente Dilma Rousseff seja reeleita. Esta é a visão do jornalista José Roberto Guzzo, que já dirigiu Veja e Exame, integra o conselho editorial da Abril sem ser da família Civita e cujas opiniões amargas se espraiam pelas revistas da casa editorial hoje comandada por Fábio Barbosa.

O governo Dilma, diz Guzzo, é o pior de todos da história do País. Pior do que o dos militares, que mataram e torturam, pior do que o de Fernando Collor, que terminou em impeachment, pior do que o de José Sarney, que teve hiperinflação, ou do que o de FHC, que levou o Brasil três vezes ao FMI. Muito pior também do que o de Campos Salles, que levou o Brasil à  crise do encilhamento.

Se não é esse o país ou o planeta em que você vive, tudo bem. Você está certo e Guzzo parece desesperado. O Brasil é hoje um país com pleno emprego, mais de US$ 375 bilhões em reservas internacionais, expansão da renda e com boa capacidade de atração de investimentos internos e internacionais.

A Abril, que contratou o consultor Vicente Falconi para cortar custos e já demite profissionais, inclusive em Veja, é que parece estar em petição de miséria (leia mais aqui).

Leia, abaixo, o artigo de Guzzo:

“A casa não pode cair”, por J.R. Guzzo

Todo brasileiro de olhos abertos para o que está acontecendo no país em geral, e na sua própria vida em particular, sabe muito bem que a coisa está preta.

Há mil e uma razões para isso, como se pode verificar todos os dias pelo noticiário; seria pretencioso, além de inútil, tentar fazer uma lista de todas.

Basta dizer, para encurtar o assunto, que, segundo as últimas pesquisas de opinião, mais de 70% da população acha que assim não vai, e quer mudanças na ação do governo como um todo.

Será que os brasileiros, finalmente, se convenceram de que estão sendo dirigidos por um dos governos mais incompetentes que já tiveram de aguentar !“ ou, possivelmente, o mais incompetente de todos?

Mais interessante ainda: a propaganda descomunal que o poder público soca todos os dias em cima da população e o uso sistemático da mentira talvez já não estejam dando os resultados que costumam dar.

A presidente Dilma Rousseff, por exemplo, ameaça combater a corrupção na Petrobras, mas diz que os `inimigos da empresa` são os que sugeriram mudar seu nome para !´Petrobrax`, cerca de quinze ano Leia mais

15 de abril de 2014
por esmael
51 Comentários

Coluna do Enio Verri: “As desculpas acabaram. Vai começar o governo Richa?”

Enio Verri*

No primeiro ano de mandato, Beto Richa não fez outra coisa a não ser atribuir a culpa pela inércia administrativa dos primeiros meses ao antecessor. O discurso repetido exaustivamente pela claque tucana era da herança maldita!: o governo Requião havia deixado o Paraná quebrado e organizar as contas levaria certo tempo. Quem se lembra?

Meses mais tarde, depois de um sem número de decisões catastróficas em termos de gestão pública e responsabilidade fiscal, o governo tucano precisava de um novo bode expiatório para dissimular seu fracasso. O escolhido foi o terrível! governo federal, na pessoa do secretário do Tesouro Nacional, Arno Augustin, por supostamente travar os empréstimos ao estado, prejudicando deliberadamente a gestão Richa.

O trato do governo Richa no processo de liberação dos empréstimos foi uma aula magna de incompetência, falta de diálogo, desorganização e manipulação política da operação. Finalmente, seguindo as sugestões do próprio Augustin, na semana passada, o governo encontrou o caminho da liberação dos empréstimos, sendo o primeiro no valor de R$ 817 milhões do Programa Proinveste.

As desculpas acabaram. A liberação dos recursos sempre foi colocada como fator determinante para que o Paraná possa reorganizar as finanças, marcadas por atrasos com fornecedores e risco de não conseguir pagar a folha de pagamento.

A pergunta que todos os paranaenses fazem neste momento é: o governo vai finalmente pagar as dívidas com os fornecedores, que ultrapassam R$ 1 bilhão? A população pode esperar que as viaturas não vão mais ficar sem combustível nas ruas e que não vai mais faltar medicamentos nos hospitais e postos de saúde?

As mesmas dúvidas estão nas pequenas prefeituras. O dinheiro do PAM (Plano de Apoio dos Municípios) !“ cerca de R$ 150 milhões !“, programa do governo estadual que destina recursos a fundo perdido para cidades com menos de 50 mil habitantes vai finalmente chegar, depois de tantas promessas?

Da mesma forma, os servidores estaduais terão garantidos o pagamento de salários, benefícios e plano de carreira?

Os paranaenses querem saber. A oito meses do fim, vai finalmente começar o governo Beto Richa para além das eternas promessas não cumpridas, ou novas desculpas virão do Palácio Iguaçu?

*Enio Verri é deputado estadual, presidente do PT do Paraná e professor licenciado do departamento de Economia da Universidade Estadual do Paraná. Interinamente, nas Leia mais

1 de abril de 2014
por esmael
49 Comentários

Coluna do André Vargas: “Richa faz mal à  saúde ao deixar de aplicar R$ 400 milhões”

Deputado André Vargas, em sua coluna desta terça, acusa o governador Beto Richa de violentar a Constituição brasileira ao deixar de aplicar 12% na saúde; "o que é uma vergonha, para não dizer incompetência", cravou o colunista, ao garantir que "o principal entrave para a Secretaria Nacional do Tesouro (SNT) liberar os empréstimos solicitados"; o petista também sentencia que "Richa faz muito mal à  saúde do Paraná"; leia o texto.

Deputado André Vargas, em sua coluna desta terça, acusa o governador Beto Richa de violentar a Constituição brasileira ao deixar de aplicar 12% na saúde; “o que é uma vergonha, para não dizer incompetência”, cravou o colunista, ao garantir que “o principal entrave para a Secretaria Nacional do Tesouro (SNT) liberar os empréstimos solicitados”; o petista também sentencia que “Richa faz muito mal à  saúde do Paraná”; leia o texto.

André Vargas* ... 

Leia mais