26 de março de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Coxinhas e agroboys se deram mal em Foz do Iguaçu; assista

Coxinhas e agroboys se deram mal em Foz do Iguaçu; assista

Agroboys (filhos de fazendeiros ricos) e coxinhas acreditavam que iriam “arrepiar” a comitiva do ex-presidente Lula em Foz do Iguaçu, no Paraná, mas foram eles que acabaram se dando muito mal hoje (26). Ambos acabaram sendo “arrepiados” pelo choque da Polícia Militar. Abaixo, assista ao vídeo. ... 

Leia mais

30 de abril de 2015
por Esmael Morais
54 Comentários

Coluna do Requião Filho: Paraná em luto pela educação, pela política e pela democracia

requiaofilho_profRequião Filho*

Não há muito o que dizer, as imagens do confronto sangrento entre Policiais Militares e Servidores Públicos são suficientes para demonstrar a gravidade do que aconteceu na fatídica data do dia 29/04/2015. Data esta que jamais será apagada da memória de todos.

Dia 29 de abril, acredite quem quiser, o Estado do Paraná colocou praticamente todo o seu efetivo para BATER, sim senhores leitores, BATER, ATIRAR BOMBAS, AGREDIR, HUMILHAR, DENEGRIR, PISOTEAR, todos que em praça pública pediam de forma legítima que o Projeto de Lei de autoria do Governo do Estado não fosse aprovado.

Vejam, as pessoas estavam GRITANDO! Pedindo socorro para que aqueles que estavam “protegidos”, em suas cadeiras, dentro da Assembleia Legislativa ao menos as escutassem! Gritando para que os deputados que elas mesmas elegeram, não aprovassem um projeto que viola seus direitos e condena o futuro da aposentadoria dos servidores públicos paranaenses. Leia mais

29 de abril de 2015
por Esmael Morais
70 Comentários

Caiu o comandante da PM do cerco à Assembleia. Só falta sair Beto Richa

richa_pmO coronel Chehade Elias Geha foi destituído das operações que resultaram no cerco ao Centro Cívico, em Curitiba, e que ontem (28) culminaram no confronto com professores. Só falta cair o governador Beto Richa (PSDB), quem ordenou o massacre aos educadores.

O novo comandante da Batalha da Assembleia é o tenente-coronel Arildo Luiz Dias, corregedor da PM, que já integrou a diretoria militar do legislativo na gestão Valdir Rossoni (PSDB).

Na tarde de hoje, uma comissão de cinco senadores da República desembarcam em Curitiba para acompanhar, em missão oficial, a crise e a violência contra servidores públicos. Há quem defenda intervenção federal para garantir a integridade dos paranaenses. Leia mais