28 de março de 2015
por Esmael Morais
3 Comentários

Artigo: Por medidas sociais e humanitárias para os trabalhadores desempregados pelo ajuste fiscal

desmpregoMilton Alves*

A crise corta fundo. E, novamente, são os trabalhadores da cidade e do campo que sofrem o ônus pesado do ajuste fiscal, com desemprego chegando forte e eliminando milhares de postos de trabalho nos mais diversos setores da economia.

Filas por emprego nos anos 90: desemprego e recessão

A opção do governo foi aliviar o sistema financeiro e penalizar a classe trabalhadora, mais uma vez, como nos planos recessivos dos governos de Sarney, Collor e FHC.

Ao lado da resistência classista, ativa e urgente, é necessária uma agenda do movimento sindical para os setores mais vulneráveis da classe, principalmente os já afetados pelo flagelo do desemprego, que tende ampliar com a aplicação das medidas de “ajustes” de Dilma/Levy.

Derrotar globalmente os planos recessivos dos governos em todos os níveis será o grande desafio da classe trabalhadora neste período, abrindo espaço para uma nova política econômica que promova o desenvolvimento do país, recupere a empregabilidade e a renda e fortaleça o mercado interno de massas.

Neste sentido, as centrais e os sindicatos devem demandar uma plataforma de medidas sociais e humanitárias de proteção aos trabalhadores desempregados com vistas a mitigar os efeitos do desemprego massivo: Leia mais

5 de dezembro de 2014
por Esmael Morais
53 Comentários

Requião comenta pacotaço de Richa: “Imbecil” e “ignorante”

requiao_richa.jpgO senador Roberto Requião (PMDB) não economizou adjetivos para classificar as medidas anunciadas pelo governador Beto Richa (PSDB), dentre as quais as que aumentaram os impostos de alimentos da cesta básica. ... 

Leia mais