URGENTE: Sede do PT sofre atentado em Curitiba

A sede estadual do Partido dos Trabalhadores do Paraná, em Curitiba, na madrugada desta quinta-feira (25), foi alvo do quarto atentado em pouco mais de um ano.

O atentado de hoje ocorreu horas após as manifestações de Brasília e Curitiba pelas Diretas Já e contra as reformas de Michel Temer.

Doutor Rosinha, presidente eleito da agremiação, convocou uma coletiva para as 10h30 para anunciar as medidas que adotará diante de mais esse crime.

O PT informa que tem imagens de duas pessoas encapuzadas atirando bombas de coquetéis molotov na sede estadual.

A seguir, leia o despacho da assessoria de comunicação do PT-PR:

SEDE DO PT NO PARANÁ SOFRE QUARTO ATENTADO EM POUCO MAIS DE UM ANO

Na madrugada desta quinta-feira, por volta das 4h20 da manhã, duas pessoas encapuzadas atiraram bombas de coquetéis molotov na sede do Diretório Estadual do Partido dos Trabalhadores do Paraná (PT-PR), em Curitiba. É o quarto atentado contra o PT-PR e funcionários da sede desde março do ano passado.

O presidente eleito do PT-PR, Doutor Rosinha, está chamando uma coletiva de imprensa às 11h, a fim de mostrar os estragos e explicar os procedimentos que estão sendo adotados. Há imagens de câmeras de monitoramento que serão disponibilizadas às autoridades policiais e à imprensa.

COLETIVA DE IMPRENSA | Atentado à sede do Diretório Estadual do PT no Paraná

Data: 25 de maio de 2017 (quinta-feira)
Hora: às 11h
Local: em frente ao prédio da Secretaria da Segurança Pública – Rua Mario de Barros, 1290, no 4º andar, bairro Centro Cívico.

Veja também  Bolsonaro visitou o Nordeste somente após bombardeio da Polícia Federal contra PT do Piauí

Comments are closed.