6 de Fevereiro de 2014
por esmael
38 Comentários

Perdeu, Barbosa. Deputado Zeca Dirceu absolvido no STF

do Brasil 247

A decisão do presidente do Supremo Tribunal Federal, Joaquim Barbosa, de colocar na pauta um caso envolvendo o deputado Zeca Dirceu (PT-PR), filho do ex-ministro José Dirceu, não saiu exatamente conforme planejado; a pedido do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, o caso foi arquivado sumariamente; Barbosa se ausentou da sessão, que foi presidida pelo ministro Ricardo Lewandowski; caso foi colocado em pauta na semana em que deveria sair a autorização de trabalho para José Dirceu, ainda não decidida pela Vara de Execuções Penais do Distrito Federal.

A decisão do presidente do Supremo Tribunal Federal, Joaquim Barbosa, de colocar na pauta um caso envolvendo o deputado Zeca Dirceu (PT-PR), filho do ex-ministro José Dirceu, não saiu exatamente conforme planejado; a pedido do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, o caso foi arquivado sumariamente; Barbosa se ausentou da sessão, que foi presidida pelo ministro Ricardo Lewandowski; caso foi colocado em pauta na semana em que deveria sair a autorização de trabalho para José Dirceu, ainda não decidida pela Vara de Execuções Penais do Distrito Federal.

Na primeira sessão que presidiu neste ano, o ministro Joaquim Barbosa, presidente do Supremo Tribunal Federal, decidiu colocar em pauta um caso envolvendo o deputado federal Zeca Dirceu (PT-PR), que era acusado de crime eleitoral. Coincidência ou não, o caso entrou na pauta na mesma semana em que a Vara de Execuções Penais do Distrito Federal deveria julgar o pedido de trabalho externo de José Dirceu, preso em regime fechado há três meses, embora condenado ao semiaberto. Leia mais