19 de abril de 2015
por esmael
19 Comentários

Copel também financiou ataque cibertucano contra Dilma e PT

A Companhia Paranaense de Energia (Copel) também financiou ataques cibertucanos contra a presidenta Dilma Rousseff e o PT. A informação é de Fernando Gouveia, proprietário do site www.implicante.org, que registrou ontem (18) em seu perfil no Facebook:

“A Agência Propeg é uma das empresas que são clientes da Appendix, entre as quais vale destacar a Vivas.Com, em contrato pelo qual prestamos serviço ao Governo do Paraná, numa ação para a Copel…”, escreveu Gouveia.

Mais preciso impossível.

Na manhã de ontem, ao repercutir reportagem da Folha de S. Paulo, o Blog do Esmael anotou que o governador do Paraná, Beto Richa, fez escola no PSDB nacional. Segundo o jornal, o blogueiro recebe mensalmente R$ 70 mil do governo de São Paulo para defenestrar adversários de Geraldo Alckmin, dentre os quais PT e Dilma.

Ambos os governadores do PSDB, paulista e paranaense, têm o mesmo modus operandi porque a fonte pagadora dos cibertucanos é a mesma: o erário.

Nas eleições de 2014, os senadores Gleisi Hoffmann (PT) e Roberto Requião (PMDB) foram os alvos prediletos dos cibertucanos pró-Richa.

Os cibertucanos funcionavam em um bunker instalado dentro do Palácio Iguaçu e agiam sob o guarda-chuva da franquia tucana “Tenda Digital” — que foi proibida pela Justiça Eleitoral na disputa pelo Palácio Iguaçu.

Abaixo, leia a íntegra da explicação de Fernando Gouveira no Facebook:

Fernando Gouveia
Ontem às 08:32 · Votorantim ·

ALERTA MÁXIMO DE TEXTÃO

Caros, não é de hoje que está rolando uma verdadeira guerra contra quem denuncia petistas na Internet. Dessa vez, em uma matéria repleta de erros, omissões e distorções, fui citado na Folha de São Paulo e, desse modo, informo os fatos reais – pedindo a todos a gentileza de divulgar ao máximo, sempre que alguém aparecer com a notícia estapafúrdia.

São 9 pontos e os esclarecimentos necessários. Peço que tenham paciência Emoticon smile

Vamos lá:

1 – Eu não sou contratado, ponto. Sou sócio de uma empresa que, entre outros clientes, é contratada pela Agência Propeg, por sua vez prestadora de serviços para o Governo do Estado. Essa contratação se deu porque a Appendix (APPX) ofereceu o MENOR PREÇO (informação omitida na matéria) e dispõe, para esse contrato, de 3 empregados regularmente contratados via CLT;

2 – TODA a atuação da empresa ocorre dentro das leis, sejam fiscais ou trabalhistas, bem como TODAS as certidões junto ao Poder Público estão atualizadas e assim o são sempre;

3 – A empresa atua em comunicação online do setor público, exatamente a área em que sou formado profissionalmente e cuja formação se iniciou há quase quinze anos, na gestão petista da Prefeitura de São Paulo (2001 a 2003), qua Leia mais

12 de setembro de 2014
por esmael
33 Comentários

TRE proíbe Requião de atribuir tarifaço da Copel a Richa; tucano admitiu em sabatina que aumentou a conta de luz

Juiz Lourival Pedro Chemim, do TRE, concedeu nesta sexta-feira (12) liminar favorável ao tucano proibindo o senador Roberto Requião (PMDB) fale no horário eleitoral que Richa aumentou a conta de luz em 25%; novamente, governador caiu em contradição ao garantir ao informar na Justiça que "o governador de estado não tem tal poder absoluto para reajustar a tarifa da Copel!; entretanto, o Blog do Esmael registrou fala do candidato do PSDB na sabatina na Universidade Positivo -- -- olha aí as sabatinas, de novo! -- que aumentou a conta de luz dos consumidores paranaenses; Eu tive coragem de aumentar [a conta de luz] em 24% para não quebrar a Copel!, afirmou Richa há exatos dez dias; entrevista foi gravada em vídeo.

Juiz Lourival Pedro Chemim, do TRE, concedeu nesta sexta-feira (12) liminar favorável ao tucano proibindo o senador Roberto Requião (PMDB) fale no horário eleitoral que Richa aumentou a conta de luz em 25%; novamente, governador caiu em contradição ao garantir ao informar na Justiça que “o governador de estado não tem tal poder absoluto para reajustar a tarifa da Copel!; entretanto, o Blog do Esmael registrou fala do candidato do PSDB na sabatina na Universidade Positivo — — olha aí as sabatinas, de novo! — que aumentou a conta de luz dos consumidores paranaenses; Eu tive coragem de aumentar [a conta de luz] em 24% para não quebrar a Copel!, afirmou Richa há exatos dez dias; entrevista foi gravada em vídeo.

O juiz Lourival Pedro Chemim, do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE), nesta sexta-feira (12), pode ter sido induzido ao erro pelo governador Beto Richa (PSDB).  ... 

Leia mais

2 de setembro de 2014
por esmael
23 Comentários

Tarifaço da Copel: Genival indignado com panfletos falsos contra Dilma e Gleisi

Genival, o Fiscal do Requião, flagrou a distribuição de um panfleto apócrifo culpando a presidenta Dilma e a candidata a governadora Gleisi, ambas do PT, pelo aumento na conta de luz no Estado. Aí o Genival pensou, mas como pode, se a Copel é uma empresa do governo do Estado!¿ Foi olhar melhor o panfleto para ver quem estava dizendo tal asneira, e adivinhem: ninguém! O Panfleto é APà“CRIFO, ou seja, falso, ninguém assina. Taca-lhe pau, Genival!

Genival, o Fiscal do Requião, flagrou a distribuição de um panfleto apócrifo culpando a presidenta Dilma e a candidata a governadora Gleisi, ambas do PT, pelo aumento na conta de luz no Estado. Aí o Genival pensou, mas como pode, se a Copel é uma empresa do governo do Estado? Foi olhar melhor o panfleto para ver quem estava dizendo tal asneira, e adivinhem: ninguém! O Panfleto é APà“CRIFO, ou seja, falso, ninguém assina. Genival não gosto de mentiras. Taca-lhe pau, Genival!

O aumento absurdo nas contas de luz dos paranaenses à s vésperas da eleição pegou muito mal para o governador-candidato Beto Richa (PSDB). Mas Richa não estava disposto a assumir o desgaste pelos atos da Copel, empresa estatal sob seu comando, e construiu um raciocínio complicado para tentar jogar a culpa no Governo Federal. ... 

Leia mais

25 de agosto de 2014
por esmael
46 Comentários

Richa bate-boca nas redes sociais por causa de aumento na conta de luz

Nas redes sociais, consumidores dizem não entender o motivo de governo Richa não ter autonomia para segurar reajustes nas tarifas da Copel; em bate-boca com internautas, tucano novamente colocou a culpa do aumento da conta de luz no governo federal; polêmica voltou à  tona nesta segunda-feira (25) quando Richa informou, pelo Facebook, que a estatal paranaense foi eleita a melhor distribuidora de energia da América Latina. De que adianta prêmios se temos uma tarifa alta!, reagiu uma consumidora no perfil do governador.

Nas redes sociais, consumidores dizem não entender o motivo de governo Richa não ter autonomia para segurar reajustes nas tarifas da Copel; em bate-boca com internautas, tucano novamente colocou a culpa do aumento da conta de luz no governo federal; polêmica voltou à  tona nesta segunda-feira (25) quando Richa informou, pelo Facebook, que a estatal paranaense foi eleita a melhor distribuidora de energia da América Latina. De que adianta prêmios se temos uma tarifa alta!, reagiu uma consumidora no perfil do governador.

O governador Beto Richa (PSDB), candidato à  reeleição, está sendo pressionado pelas redes sociais a se manifestar sobre o reajustão na conta de luz que chegou aos 4,2 milhões de consumidores paranaenses. ... 

Leia mais

10 de julho de 2014
por esmael
12 Comentários

Governo Richa se explica à  coluna de Enio Verri mais uma vez

Em sua coluna de segunda-feira (8) aqui no Blog do Esmael, o deputado estadual Enio Verri (PT), criticou a nova solicitação de reajuste de energia enviada pela Copel à  Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), solicitando 25% de aumento na tarifa. A Copel enviou uma nota contestando a coluna de Verri.

Fato semelhante já ocorreu quando o governo pleiteou o primeiro reajuste de 35%, mas recuou diante da repercussão negativa. Naquela oportunidade, Verri criticou o governo em sua coluna, e a Copel solicitou direito de resposta que foi atendido. Respeitando o princípio democrático do contraditório, publicamos a seguir a íntegra da nova mensagem enviada pela Copel:

Em relação à  coluna do deputado Enio Verri, esclarecemos:

Não é a Copel nem o Governo do Paraná quem define o reajuste da tarifa da luz.

A definição do reajuste é, sim, feita pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), do Governo Federal, até porque a distribuição da energia é um monopólio, por isso a Copel não tem autonomia para definir sua tarifa.

O reajuste definido pela Aneel de 35,05% não contempla o diferimento do ano passado, como informou erroneamente o deputado, até porque o diferimento é de 4,34%, e não de 3%, como informou erroneamente o deputado.

A pedido do Governo do Estado, a Copel não aplicará o diferimento de 4,34% neste ano. Se tivesse incluído, somados aos 35,05% definidos pela Aneel, o reajuste agora seria de 39,39%.

A diferença de 3% a que o deputado se refere é porque a Aneel tem uma expectativa ainda maior de acionamento de usinas térmicas nos próximos meses, acionamento este feito pelo Governo Federal. Leia mais

24 de junho de 2014
por esmael
37 Comentários

Depois de críticas, Richa suspende tarifaço de 35% na energia da Copel

Movimentos sociais, liderados pelo MST e atingidos pelas barragens da Copel, distribuíram panfletos contra o tarifaço de 35,05% de Beto Richa; severamente criticado pelos adversários Requião e Gleisi, tucano "afrouxou o sutiã" e suspendeu o reajustão para os acionistas privados.

Movimentos sociais, liderados pelo MST e atingidos pelas barragens da Copel, distribuíram panfletos contra o tarifaço de 35,05% de Beto Richa; severamente criticado pelos adversários Requião e Gleisi, tucano “afrouxou o sutiã” e suspendeu o reajustão para os acionistas privados.

O governador Beto Richa (PSDB) recuou do aumentão de 35,05% na tarifa da energia da Copel, anunciado nesta terça-feira (24), depois de severas críticas dos adversários Gleisi Hoffmann (PT) e Roberto Requião (PMDB). ... 

Leia mais

11 de junho de 2014
por esmael
31 Comentários

Em nota, Gleisi se diz “inconformada” com tarifaço de Richa na conta de luz

A senadora Gleisi Hoffmann, pré-candidata do PT ao Palácio Iguaçu, resolveu interromper esta semana uma trégua tácita que havia declarado, desde o caso André Vargas, ao governador Beto Richa (PSDB). A parlamentar anunciou que pedirá investigação ao Ministério Público do tarifaço que atende “tão somente os interesses dos acionistas” da Copel.

Pela manhã de hoje, a petista bateu duro no tucano ao afirmar que ele faz “politicagem” com as vítimas das enchentes no Paraná (clique aqui). Agora, na boca da noite, Gleisi se diz inconformada com o reajuste de 32,4% na tarifa de energia da Copel. Leia a nota oficial:

Nota Oficial

Inconformada com a decisão do governo do Estado do Paraná de reajustar em 32,4% a tarifa de energia da Copel, a senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) vem a público condenar o aumento e solicitar a atenção dos paranaenses para os seguintes pontos:

1- O governador Beto Richa negou-se a aderir ao plano do governo federal para antecipar os contratos de concessão de energia, ficando contra o projeto de baratear a conta de luz de todos os brasileiros, em especial a dos consumidores paranaenses.

2- A inexplicável decisão do governador expôs a Copel Distribuidora S/A à  necessidade de comprar energia muito mais cara no mercado livre para cumprir a obrigação de atender o mercado consumidor do Paraná. Ao invés de pagar o valor de R$ 32,00/MWh definido pelo governo federal, teve de comprar energia por R$ 822,00/MWh, causando um prejuízo de 2469% por MWh aos cofres da empresa que pertence a todos os paranaenses.

3- Em maio passado, o governo federal socorreu as distribuidoras estaduais ao realizar um leilão para entrega de energia imediata. Com isso, a Copel conseguiu sair do sufoco e comprou energia por R$ 268,00 contra os R$ 822,00 que vinha pagando pelo MWh.

4- E Leia mais

22 de maio de 2014
por esmael
61 Comentários

Tarifaço do Beto: Copel quer 30% de aumento na conta de luz

Via Folha de Londrina

Apesar de ainda não ser oficial, especula-se no mercado de energia que a Copel deve pleitear um reajuste de 30% na tarifa para a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). Depois da solicitação, a agência reguladora analisa o pedido e autoriza qual será o percentual de alta. Em seguida, o governo do Estado decide se aplica ou não o valor definido pela Aneel a partir de 24 de junho.

No final de março, o presidente da Copel, Lindolfo Zimmer, afirmou à  FOLHA que não esperava um reajuste menor do que dois dígitos para 2014. Vai ajudar compor o aumento deste ano e o restante do reajuste de 2013, que o Estado decidiu não aplicar. No ano passado, a Aneel autorizou um reajuste médio de 14% para a Copel. Mas, em meio à  onda de protestos no País, o governador Beto Richa decidiu aplicar 9,55%, na média, sobrando um “saldo residual” de reajuste de 4,27%.

A Copel informou que vai enviar o pedido de reajuste deste ano para a Aneel até amanhã. A Aneel confirmou que ainda não recebeu o pleito da Copel e que vai divulgar o percentual solicitado pela estatal paranaense no dia 9 de junho.

Segundo a Copel, quatro variáveis vão influenciar na definição do aumento: custos operacionais da estatal já definidos em 1,5%, componentes financeiros, diferimento de 4,27% que sobrou da alta de 2013 e a parcela A, relativa à  compra de energia no mercado livre. Também deve pesar na conta a redução de 18% a 22% que o governo federal realizou nas tarifas de energia em janeiro de 2013.

O balanço da companhia no primeiro trimestre deste ano apontou lucro líquido de R$ 583 milh Leia mais

13 de março de 2014
por esmael
36 Comentários

Coluna do Requião Filho: Apesar de você amanhã há de ser outro dia, Beto!

Requião Filho, em sua coluna desta quinta, cantarola o "desgoverno" de Beto Richa; atrás daquele sorriso forçado, do abraço à  criança, está o tarifaço da Copel e da Sanepar, a falta de combustível nas viaturas da polícia e o abandono dos professores!, analisa; colunista afirma que tucano vive de ilusões, da mentira, da propaganda, chupinzando! obras do governo federal, endividando prefeituras; Apesar de você amanhã há de ser outro dia, Beto!, repete o refrão; leia o texto.

Requião Filho, em sua coluna desta quinta, cantarola o “desgoverno” de Beto Richa; atrás daquele sorriso forçado, do abraço à  criança, está o tarifaço da Copel e da Sanepar, a falta de combustível nas viaturas da polícia e o abandono dos professores!, analisa; colunista afirma que tucano vive de ilusões, da mentira, da propaganda, chupinzando! obras do governo federal, endividando prefeituras; Apesar de você amanhã há de ser outro dia, Beto!, repete o refrão; leia o texto.

Requião Filho* ... 

Leia mais