Blog do Esmael

A política como ela é em tempo real.

2 de julho de 2014
por esmael
13 Comentários

Richa poderá gastar R$ 817 milhões do Proinveste somente em agosto

à‰ mais fácil Saci-Pererê cruzar as pernas e o sargento Garcia prender o Zorro que sair o dinheiro do Proinveste antes de agosto; governador Beto Richa sabe disso, por isso subiu no palanque reeleitoral pedindo a prisão dos titulares da Secretaria Nacional do Tesouro; nesta quinta, Dilma estará em Curitiba; portanto, o tucano mandou à s favas a diplomacia; governo do Paraná fez vistas grossas à  Lei de Responsabilidade Fiscal, que limita a contratação de pessoal à  arrecadação.

à‰ mais fácil Saci-Pererê cruzar as pernas e o sargento Garcia prender o Zorro que sair o dinheiro do Proinveste antes de agosto; governador Beto Richa sabe disso, por isso subiu no palanque reeleitoral pedindo a prisão dos titulares da Secretaria Nacional do Tesouro; nesta quinta, Dilma estará em Curitiba; portanto, o tucano mandou à s favas a diplomacia; governo do Paraná fez vistas grossas à  Lei de Responsabilidade Fiscal, que limita a contratação de pessoal à  arrecadação.

O Blog do Esmael anotou em abril passado que o governo Beto Richa (PSDB) só verá a cor dos R$ 817 milhões do Proinveste somente em agosto (clique aqui). Também está escrito nas estrelas. Leia mais

7 de maio de 2014
por esmael
59 Comentários

Coluna do Ademar Traiano: Quem vai indenizar o Paraná pelos prejuízos causados por Gleisi?

Ademar Traiano, apesar de ontem pela manhã ter anunciado a liberação de empréstimo de R$ 817 milhões pelo Ministério da Fazenda, em sua coluna desta quarta, mostra-se ainda cético com a promessa do governo federal: à‰ preciso ter cautela. Diversos anúncios sobre essa liberação foram feitos, resultando sempre em frustração!; colunista, que é guru ideológico do governador Beto Richa, de quem é líder na Assembleia Legislativa, afirma que o telefonema do ministro Guido Mantega, informando a liberação do Proinveste, só porque houve risco de aumentar a bancada do PT na Papuda e Dilma ter um secretário do Tesouro, Arno Augustin, despachando da prisão - junto do Zé Dirceu, do Genoino e do Delúbio - saiu o anúncio da liberação; Traiano acusa a ex-ministra e senadora de ter causado prejuízos ao Paraná e pede que a petista faça o ressarcimento ao povo paranaense; Os prejuízos causados pela senadora são imensos e irreparáveis!, aponta o tucano; leia o texto e compartilhe.

Ademar Traiano, apesar de ontem pela manhã ter anunciado a liberação de empréstimo de R$ 817 milhões pelo Ministério da Fazenda, em sua coluna desta quarta, mostra-se ainda cético com a promessa do governo federal: à‰ preciso ter cautela. Diversos anúncios sobre essa liberação foram feitos, resultando sempre em frustração!; colunista, que é guru ideológico do governador Beto Richa, de quem é líder na Assembleia Legislativa, afirma que o telefonema do ministro Guido Mantega, informando a liberação do Proinveste, só porque houve risco de aumentar a bancada do PT na Papuda e Dilma ter um secretário do Tesouro, Arno Augustin, despachando da prisão – junto do Zé Dirceu, do Genoino e do Delúbio – saiu o anúncio da liberação; Traiano acusa a ex-ministra e senadora de ter causado prejuízos ao Paraná e pede que a petista faça o ressarcimento ao povo paranaense; Os prejuízos causados pela senadora são imensos e irreparáveis!, aponta o tucano; leia o texto e compartilhe.

Ademar Traiano*

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, anunciou ter assinado a liberação do empréstimo de R$ 817 milhões do Proinveste para o Paraná. à‰ preciso ter cautela. Diversos anúncios sobre essa liberação foram feitos, resultando sempre em frustração. Leia mais

15 de abril de 2014
por esmael
51 Comentários

Coluna do Enio Verri: “As desculpas acabaram. Vai começar o governo Richa?”

Enio Verri*

No primeiro ano de mandato, Beto Richa não fez outra coisa a não ser atribuir a culpa pela inércia administrativa dos primeiros meses ao antecessor. O discurso repetido exaustivamente pela claque tucana era da herança maldita!: o governo Requião havia deixado o Paraná quebrado e organizar as contas levaria certo tempo. Quem se lembra?

Meses mais tarde, depois de um sem número de decisões catastróficas em termos de gestão pública e responsabilidade fiscal, o governo tucano precisava de um novo bode expiatório para dissimular seu fracasso. O escolhido foi o terrível! governo federal, na pessoa do secretário do Tesouro Nacional, Arno Augustin, por supostamente travar os empréstimos ao estado, prejudicando deliberadamente a gestão Richa.

O trato do governo Richa no processo de liberação dos empréstimos foi uma aula magna de incompetência, falta de diálogo, desorganização e manipulação política da operação. Finalmente, seguindo as sugestões do próprio Augustin, na semana passada, o governo encontrou o caminho da liberação dos empréstimos, sendo o primeiro no valor de R$ 817 milhões do Programa Proinveste.

As desculpas acabaram. A liberação dos recursos sempre foi colocada como fator determinante para que o Paraná possa reorganizar as finanças, marcadas por atrasos com fornecedores e risco de não conseguir pagar a folha de pagamento.

A pergunta que todos os paranaenses fazem neste momento é: o governo vai finalmente pagar as dívidas com os fornecedores, que ultrapassam R$ 1 bilhão? A população pode esperar que as viaturas não vão mais ficar sem combustível nas ruas e que não vai mais faltar medicamentos nos hospitais e postos de saúde?

As mesmas dúvidas estão nas pequenas prefeituras. O dinheiro do PAM (Plano de Apoio dos Municípios) !“ cerca de R$ 150 milhões !“, programa do governo estadual que destina recursos a fundo perdido para cidades com menos de 50 mil habitantes vai finalmente chegar, depois de tantas promessas?

Da mesma forma, os servidores estaduais terão garantidos o pagamento de salários, benefícios e plano de carreira?

Os paranaenses querem saber. A oito meses do fim, vai finalmente começar o governo Beto Richa para além das eternas promessas não cumpridas, ou novas desculpas virão do Palácio Iguaçu?

*Enio Verri é deputado estadual, presidente do PT do Paraná e professor licenciado do departamento de Economia da Universidade Estadual do Paraná. Interinamente, nas

13 de abril de 2014
por esmael
45 Comentários

Afinal, quem é a “mãe” e quem é o “pai” da liberação dos empréstimos ao PR?

Paternidade da liberação do Proinveste, aquele empréstimo de R$ 817 milhões que não saia de jeito nenhum, finalmente foi anunciado na sexta pelo STN; agora, depois do filho! feito, têm vários reivindicando o papel de "pai" e de "mãe" da operação de crédito; primeiro a fazê-lo, por instinto maternal até, foi Gleisi, que foi rechaçada pelo líder tucano Ademar Traiano; hoje, nas páginas da Gazeta do Povo, colunista Celso Nascimento aponta os peemedebistas (requianistas) Romanelli e João Arruda como verdadeiros "pais" do empréstimo; na disputa da opinião, se desenha que Richa levou um "chapéu de touro", embora assuma a paternidade, o "filho" é de outro "pai" e de outra "mãe"; afinal, quem é a "mãe" e quem é o "pai" da liberação dos empréstimos ao Paraná?

Paternidade da liberação do Proinveste, aquele empréstimo de R$ 817 milhões que não saia de jeito nenhum, finalmente foi anunciado na sexta pelo STN; agora, depois do filho! feito, têm vários reivindicando o papel de “pai” e de “mãe” da operação de crédito; primeiro a fazê-lo, por instinto maternal até, foi Gleisi, que foi rechaçada pelo líder tucano Ademar Traiano; hoje, nas páginas da Gazeta do Povo, colunista Celso Nascimento aponta os peemedebistas (requianistas) Romanelli e João Arruda como verdadeiros “pais” do empréstimo; na disputa da opinião, se desenha que Richa levou um “chapéu de touro”, embora assuma a paternidade, o “filho” é de outro “pai” e de outra “mãe”; afinal, quem é a “mãe” e quem é o “pai” da liberação dos empréstimos ao Paraná?

Na sexta-feira (11), a ex-ministra da Casa Civil e senadora Gleisi Hoffmann (PT) se adiantou para anunciar a liberação R$ 817 milhões pela Secretaria Nacional do Tesouro (STN). Assim, a petista se colocava como “mãe” do empréstimo do Proinveste ao Paraná. Leia mais

11 de abril de 2014
por esmael
47 Comentários

“Gleisi é muito cara de pau”, acusa líder tucano Ademar Traiano

"Gleisi é muito cara de pau mesmo. Ela ficou 510 dias trabalhando contra o Paraná. Nem se dignou a participar da reunião com o secretário Arno Augustin, na última quarta, em Brasília", protestou o guru político e ideológico do Palácio Iguaçu; Ademar Traiano, líder do governo Beto Richa, ainda ironizou a petista: "A afirmação de que Gleisi ajudou o Paraná a liberar o empréstimo do Proinveste é tão verdadeira quanto seus cabelos loiros"; nesta sexta (11), senadora Gleisi Hoffmann se intitulou como mãe! da liberação de R$ 817 milhões de empréstimo ao governo do Paraná.

“Gleisi é muito cara de pau mesmo. Ela ficou 510 dias trabalhando contra o Paraná. Nem se dignou a participar da reunião com o secretário Arno Augustin, na última quarta, em Brasília”, protestou o guru político e ideológico do Palácio Iguaçu; Ademar Traiano, líder do governo Beto Richa, ainda ironizou a petista: “A afirmação de que Gleisi ajudou o Paraná a liberar o empréstimo do Proinveste é tão verdadeira quanto seus cabelos loiros”; nesta sexta (11), senadora Gleisi Hoffmann se intitulou como mãe! da liberação de R$ 817 milhões de empréstimo ao governo do Paraná.

O deputado estadual Ademar Traiano (PSDB), líder do governo Beto Richa (PSDB) na Assembleia Legislativa, em contato com o blog, nesta tarde, disse que a senadora Gleisi Hoffmann (PT) foi “cara de pau” ao se intitular “mãe” da liberação de R$ 817 milhões de empréstimos pela Secretaria Nacional do Tesouro (STN). Leia mais

10 de abril de 2014
por esmael
44 Comentários

Se liminar do STF desse dinheiro, Richa já teria R$ 2,4 bi em empréstimo

Governo Beto Richa consegue terceira liminar no STF, concedida pelo ministro Luís Roberto Barroso, autorizando a Secretaria Nacional do Tesouro (STN) emprestar R$ 817 milhões ao Paraná; se decisão provisória rendesse dinheiro, o tucano já teria abocanhado R$ 2,4 bilhões do Proinveste; segundo uma fonte do blog, a operação será liberada no final de agosto; até lá, Gleisi Hoffmann continuará sendo acusada de atrapalhar o estado.

Governo Beto Richa consegue terceira liminar no STF, concedida pelo ministro Luís Roberto Barroso, autorizando a Secretaria Nacional do Tesouro (STN) emprestar R$ 817 milhões ao Paraná; se decisão provisória rendesse dinheiro, o tucano já teria abocanhado R$ 2,4 bilhões do Proinveste; segundo uma fonte do blog, a operação será liberada no final de agosto; até lá, Gleisi Hoffmann continuará sendo acusada de atrapalhar o estado.

O governador Beto Richa (PSDB) anunciou nesta quinta (10) uma nova liminar do Supremo Tribunal Federal (STF) liberando empréstimo de R$ 817 milhões do Proinveste. à‰ a terceira vez que a Corte autoriza a Secretaria Nacional do Tesouro (STN) a realizar a operação de crédito com o governo do Paraná, mas sempre bate na trave. Leia mais

9 de abril de 2014
por esmael
26 Comentários

“Eu esperava um posicionamento do PT favorável ao Paraná”, diz Traiano

"Eles quedaram silentes", diz Ademar Traiano sobre o comportamento dos petistas Enio Verri e Tadeu Verri, que hoje participaram da reunião com o secretário Nacional do Tesouro; dinheiro do Proinveste não sai por pura incompetência do governo do PSDB!, rebate Verri; autor da proposta de audiência na STN, Luiz Cláudio Romanelli, registra que "só falta pedirem exame de sangue do Paraná"; expedição suprapartidária que foi a Brasília, nesta quarta (9), voltou de mãos abanando.

“Eles quedaram silentes”, diz Ademar Traiano sobre o comportamento dos petistas Enio Verri e Tadeu Verri, que hoje participaram da reunião com o secretário Nacional do Tesouro; dinheiro do Proinveste não sai por pura incompetência do governo do PSDB!, rebate Verri; autor da proposta de audiência na STN, Luiz Cláudio Romanelli, registra que “só falta pedirem exame de sangue do Paraná”; expedição suprapartidária que foi a Brasília, nesta quarta (9), voltou de mãos abanando.

O deputado Ademar Traiano (PSDB), líder do governo Beto Richa (PSDB) na Assembleia Legislativa do Paraná, na noite desta quarta (9), fez um balanço ao blog sobre a reunião de hoje com Arno Augustin, da Secretaria Nacional do Tesouro (STN). Leia mais

9 de abril de 2014
por esmael
23 Comentários

Ex-secretário Stephanes sugere “demissão” do governo Richa por “incompetência”

"Tem que demitir quem pediu isso", reagiu o deputado Reinold Stephanes (PSD), ex-secretário-chefe da Casa Civil até a semana passada, sobre o pedido de aval do governo estadual que travou a operação de crédito ao Paraná; parlamentar participou de reunião nesta quarta (9) com o secretário Nacional do Tesouro (STN), Arno Augustin, para discutir a liberação de empréstimo de R$ 817 milhões do Proinveste; "Uma secretaria do governo Richa não conversou com outra secretaria do governo Richa, ou seja, o dinheiro do Proinveste não sai por pura incompetência do governo do PSDB", disse Verri.

“Tem que demitir quem pediu isso”, reagiu o deputado Reinold Stephanes (PSD), ex-secretário-chefe da Casa Civil até a semana passada, sobre o pedido de aval do governo estadual que travou a operação de crédito ao Paraná; parlamentar participou de reunião nesta quarta (9) com o secretário Nacional do Tesouro (STN), Arno Augustin, para discutir a liberação de empréstimo de R$ 817 milhões do Proinveste; “Uma secretaria do governo Richa não conversou com outra secretaria do governo Richa, ou seja, o dinheiro do Proinveste não sai por pura incompetência do governo do PSDB”, disse Verri.

Uma comitiva de deputados estaduais e federais paranaenses terminou há pouco, em Brasília, uma reunião com o secretário Nacional do Tesouro (STN), Arno Augustin, para discutir a liberação de empréstimo de R$ 817 milhões do Proinveste. Leia mais

3 de abril de 2014
por esmael
23 Comentários

Richa: STF impõe multa de R$ 100 mil ao governo federal por descumprir liberação de empréstimo ao PR

Governador Beto Richa resolveu arrancar a fórceps liberação de empréstimos junto ao STN; tucano, parecendo não acreditar na expedição de Romanelli, que na próxima quarta se encontrará com Arno Augustin, secretário Nacional do Tesouro, anunciou na noite desta quinta (3) decisão do STF que impõe multa diária de R$ 100 mil ao governo federal caso não libere  empréstimo de R$ 817 milhões do Proinveste ao Paraná.

Governador Beto Richa resolveu arrancar a fórceps liberação de empréstimos junto ao STN; tucano, parecendo não acreditar na expedição de Romanelli, que na próxima quarta se encontrará com Arno Augustin, secretário Nacional do Tesouro, anunciou na noite desta quinta (3) decisão do STF que impõe multa diária de R$ 100 mil ao governo federal caso não libere empréstimo de R$ 817 milhões do Proinveste ao Paraná.

O governador Beto Richa (PSDB), em seu perfil no Facebook, na noite desta quinta (3), informou que o ministro Marco Aurélio Mello, do STF, impôs multa diária de R$ 100 mil ao governo federal se não liberar empréstimo de R$ 817 milhões do Proinveste ao Paraná. Leia mais

2 de abril de 2014
por esmael
31 Comentários

Palácio Iguaçu quer saber de que lado joga deputado Romanelli

Segundo o Palácio do Iguaçu, Romanelli levanta a bola para a oposição chutar contra Beto Richa; nesta quarta (2), Assembleia decidiu enviar na semana que vem "expedição" a Brasília, comandada pelo peemedebista, para audiência com o secretário Nacional do Tesouro, Arno Augustin; sob testemunha do líder da oposição, deputado Tadeu Veneri (PT), comitiva quer saber os motivos de os empréstimos pleiteados pelo governo do estado têm batido na trave; afinal, perguntam os palacianos, Romanelli está do lado da "mão peluda" ou da "mão delicada"?

Segundo o Palácio do Iguaçu, Romanelli levanta a bola para a oposição chutar contra Beto Richa; nesta quarta (2), Assembleia decidiu enviar na semana que vem “expedição” a Brasília, comandada pelo peemedebista, para audiência com o secretário Nacional do Tesouro, Arno Augustin; sob testemunha do líder da oposição, deputado Tadeu Veneri (PT), comitiva quer saber os motivos de os empréstimos pleiteados pelo governo do estado têm batido na trave; afinal, perguntam os palacianos, Romanelli está do lado da “mão peluda” ou da “mão delicada”?

Um orelha seca do blog informa que o terceiro andar do Palácio Iguaçu desconfia do deputado Luiz Cláudio Romanelli (PMDB), que recentemente voltou à  Assembleia Legislativa. Os palacianos acreditam que o parlamentar esteja fazendo “três cantos”, ou seja, levantando a bola para os adversários do governador Beto Richa (PSDB) chutar. Leia mais

31 de março de 2014
por esmael
39 Comentários

1!º de abril: Romanelli propõe CPI para investigar “quebradeira no Paraná”

Depois de intenso bate-boca no plenário, governo e oposição concordam em apoiar criação da "CPI da quebradeira" na Assembleia Legislativa; governo Richa quer investigar motivos de empréstimos federais baterem na trave; oposição quer investigar os motivos da quebradeira no Paraná; deputado Romanelli escolheu amanhã, dia 1!º de abril, como data especial para apresentar o requerimento de instalação da comissão; parlamentar peemedebista pró-tucano Beto Richa reclamou da mão peluda! de Requião e da mão delicada! de Gleisi, que estariam agindo contra o Paraná; petista Péricles Mello rebateu as acusações.

Depois de intenso bate-boca no plenário, governo e oposição concordam em apoiar criação da “CPI da quebradeira” na Assembleia Legislativa; governo Richa quer investigar motivos de empréstimos federais baterem na trave; oposição quer investigar os motivos da quebradeira no Paraná; deputado Romanelli escolheu amanhã, dia 1!º de abril, como data especial para apresentar o requerimento de instalação da comissão; parlamentar peemedebista pró-tucano Beto Richa reclamou da mão peluda! de Requião e da mão delicada! de Gleisi, que estariam agindo contra o Paraná; petista Péricles Mello rebateu as acusações.

O deputado estadual Luiz Cláudio Romanelli (PMDB), da base de sustentação do governo Beto Richa (PSDB), na Assembleia, anunciou nesta tarde que apresentará amanhã, terça-feira dia 1!º de abril, requerimento de instalação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar as dificuldades de o Paraná obter empréstimos federais. Leia mais

26 de março de 2014
por esmael
80 Comentários

Coluna do Ademar Traiano: “A enlouquecida perseguição de Gleisi Hoffmann contra o Paraná”

Ademar Traiano, líder do governo Richa e principal ideólogo do Palácio Iguaçu, em sua coluna desta quarta-feira, diz que reportagem do jornal Gazeta do Povo prova!, com dados oficiais, a perseguição enlouquecida! da ex-ministra e senadora Gleisi Hoffmann contra o Paraná;  segundo o colunista, a perseguição começou em 2011 quando a petista assumiu a Casa Civil para operar 24 horas por dia contra os interesses do Paraná!; Gleisi e o PT negam, histericamente, as denúncias de perseguição!, mas os dados comprovariam o contrário: O Paraná é a unidade da federação com menor número de autorizações do governo federal para realizar empréstimos ao longo da gestão Dilma Rousseff; o colunista diz ser mentira! que o governo tucano tenha extrapolado o limite prudencial de 49% das receitas com a folha, motivo do travamento de empréstimos; a culpa da crise vivida pelo estado, de acordo com Traiano, é da loura malvada!; leia o texto.

Ademar Traiano, líder do governo Richa e principal ideólogo do Palácio Iguaçu, em sua coluna desta quarta-feira, diz que reportagem do jornal Gazeta do Povo prova!, com dados oficiais, a perseguição enlouquecida! da ex-ministra e senadora Gleisi Hoffmann contra o Paraná; segundo o colunista, a perseguição começou em 2011 quando a petista assumiu a Casa Civil para operar 24 horas por dia contra os interesses do Paraná!; Gleisi e o PT negam, histericamente, as denúncias de perseguição!, mas os dados comprovariam o contrário: O Paraná é a unidade da federação com menor número de autorizações do governo federal para realizar empréstimos ao longo da gestão Dilma Rousseff; o colunista diz ser mentira! que o governo tucano tenha extrapolado o limite prudencial de 49% das receitas com a folha, motivo do travamento de empréstimos; a culpa da crise vivida pelo estado, de acordo com Traiano, é da loura malvada!; leia o texto.

Ademar Traiano*

Surgem novas provas da perseguição contra o Paraná por parte do PT. Uma perseguição que começou e se tornou selvagem depois de 8 de junho de 2011, quando a senadora petista Gleisi Hoffmann assumiu a Casa Civil – ministério encarregado de encaminhar os pedidos de empréstimos para a avaliação do Senado. Leia mais

17 de fevereiro de 2014
por esmael
19 Comentários

Empréstimo de R$ 817 milhões ao Paraná ainda pode bater na trave, alerta Requião

Roberto Requião, pré-candidato ao Palácio Iguaçu, alerta incautos que liminar concedida pelo STF, na semana passada, não quer dizer que o empréstimo de R$ 817 milhões será liberado; é uma decisão precária e pode cair a qualquer momento porque é evidente que houve manobra fiscal nas contas do governo do estado!, considera o jurista Luiz Fernando Delazari, ex-secretário da Segurança e assessor jurídico do senador peemedebista; mesmo entendimento tem o deputado André Vargas (PT), vice-presidente da Câmara: "Eu quero te vender um carro, mas você está no Seproc. Suspendo a venda porque tenho risco, posso não receber o valor!, compara o petista; O governo do Paraná paga todos os meses R$ 225 milhões a aposentados e pensionistas, mas informa como aporte financeiro. Isso é um

Roberto Requião, pré-candidato ao Palácio Iguaçu, alerta incautos que liminar concedida pelo STF, na semana passada, não quer dizer que o empréstimo de R$ 817 milhões será liberado; é uma decisão precária e pode cair a qualquer momento porque é evidente que houve manobra fiscal nas contas do governo do estado!, considera o jurista Luiz Fernando Delazari, ex-secretário da Segurança e assessor jurídico do senador peemedebista; mesmo entendimento tem o deputado André Vargas (PT), vice-presidente da Câmara: “Eu quero te vender um carro, mas você está no Seproc. Suspendo a venda porque tenho risco, posso não receber o valor!, compara o petista; O governo do Paraná paga todos os meses R$ 225 milhões a aposentados e pensionistas, mas informa como aporte financeiro. Isso é um “olé” na Lei de Responsabilidade Fiscal, um crime!, explica Delazari.

O governo Beto Richa (PSDB) soltou rojões com uma liminar concedida pelo ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), reconhecendo a legalidade da documentação do Tribunal de Contas do Estado (TCE) que atesta as “boas” condições financeira do Paraná. à‰ aqui que começam os problemas. Leia mais

11 de novembro de 2013
por esmael
20 Comentários

Rossoni diz que Atlético consegue recursos numa boa! enquanto empréstimos do governo batem na trave

O deputado Valdir Rossoni (PSDB), presidente da Assembleia Legislativa do Paraná, subiu à  tribuna na tarde desta segunda (11) para criticar a demora da Secretaria Nacional do Tesouro (SNT) liberar autorização para os empréstimos pleiteados pelo governo de Beto Richa (PSDB).

Segundo o tucano, foi muito mais fácil liberar dinheiro para a construção da Arena da Baixada — uma das sedes da Copa do Mundo em 2014 — do que para o governo do Paraná investir em educação e infraestrutura.

“Para estádios como do Atlético os recursos foram liberados numa boa”, comparou Rossoni.

O presidente da Assembleia ainda colocou Beto Richa no mesmo nível que o ex-governador Jayme Canet (1974-1978). Disse que Canet fez várias obras na época porque fez empréstimos.

Rossoni também aproveitou para desancar o jornalista Celso Nascimento, colunista do jornal Gazeta do Povo, a quem ele acusou de “torcer” contra Richa e a favor da ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, candidata ao Palácio Iguaçu pelo PT.

O tucano falou que se amanhã houver um desfecho favorável aos empréstimos cumprimentará a presidenta Dilma.

Acerca do imbróglio dos empréstimos ao PR

O governador Beto Richa (PSDB) embarca para Brasília, nesta terça (12), acompanhado dos secretários Reinold Stephanes (Casa Civil) e Jozélia Nogueira (Fazenda). O tucano se encontrará com a presidenta Dilma Rousseff à s 15 horas, no Palácio do Planalto.

Na pauta de amanhã, Richa vai agradecer o aval do governo federal para três empréstimos que totalizam US$ 477,2 milhões (R$ 1,1 bilhão).

O governador paranaense aproveitará o ensejo para pedir apoio para a liberação de outros R$ 2,3 bilhões a serem contraídos junto a instituições financeiras nacionais e internacionais.

8 de novembro de 2013
por esmael
16 Comentários

Gleisi libera recursos para Beto

Prefeito de Apucarana, Beto Preto, conseguiu liberar recursos federais esta semana; Beto Richa, governador do Paraná, ainda patina para obter aval da União para empréstimos nacionais e internacionais; André Vargas explica a diferença no tratamento: "O nosso Beto é melhor".

Prefeito de Apucarana, Beto Preto, conseguiu liberar recursos federais esta semana; Beto Richa, governador do Paraná, ainda patina para obter aval da União para empréstimos nacionais e internacionais; André Vargas explica a diferença no tratamento: “O nosso Beto é melhor”.

O prefeito de Apucarana, Beto Preto (PT), não tem do que reclamar do governo federal. Nesta semana, em Brasília, ele esteve reunido com a ministra Gleisi Hoffmann e o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, de onde voltou com a liberação de recursos na ordem de R$ 3,8 milhões para investimentos estruturais no Hospital da Providência (clique aqui). Leia mais