11 de Março de 2016
por admin
26 Comentários

Acuada, Rede Globo agora é contra a prisão de Lula

via Brasil 247.

Por meio dos colunistas Merval Pereira e Ricardo Noblat, a Globo voltou a contestar a decisão do Ministério Público de São Paulo de pedir a prisão preventiva do ex-presidente. Vale lembrar que, desde o início desse processo, a Globo, como incitadora do ódio, se tornou alvo de diversos protestos populares.

Para o Colunista do Globo Merval Pereira o pedido de prisão preventiva do ex-presidente Lula foi despropositado.

Ele reconhece que, ‘mesmo que fossem verdadeiras as alegações dos promotores do estado de São Paulo para pedir a prisão preventiva do ex-presidente Lula, os argumentos levantados têm mais cunho político do que jurídico’.

Segundo Merval, o promotor Cassio Conserino já havia se precipitado ao anunciar em entrevista à revista “Veja” que denunciaria o ex-presidente, mesmo antes de ouvi-lo”. “Agora tomou uma medida despropositada”, diz .

Afirma ainda que uma ação dessas, justamente às vésperas das grandes manifestações de domingo, dá margens ao aumento da insegurança, e mais parece provocação política.

O colunista Ricardo Noblat também detonou o pedido de prisão preventiva do ex-presidente Lula feito por “três jovens e tolos promotores públicos de São Paulo, à procura dos seus 10 minutos de fama de uma nota de rodapé em futuros livros de História”.

“A peça produzida pelos três não é apenas uma peça jurídica que, por medíocre, desmorona à medida em que a leitura avança. É vazia, embora apenas prenhe de adjetivos barulhentos e inócuos. É panfletária. E sequer disfarça a má vontade que seus autores devotam a Lula”, diz.

Segundo ele, caso deveria ser investigado no Conselho Nacional do Ministério Público (leia aqui).

Assista, abaixo, ao vídeo em que uma reportagem do jornal de William Waack é interrompido por um protesto contra a “Globo Golpista”:

7 de Março de 2016
por admin
1 Comentário

Artigo de Rui Falcão: ‘O sequestro de Lula e o saudosismo de 1964’

Leia a seguir o artigo de Rui Falcão publicado nesta segunda-feira no portal do PT:

O sequestro de Lula e o saudosismo de 1964

A oposição conservadora e seus parceiros na mídia monopolizada estão assanhados. Comemoram a condução coercitiva do companheiro Lula (um eufemismo para sequestro, que afrontou a Constituição e pisoteou a democracia) como se fora a antessala do fim do PT, do declínio do melhor presidente que o Brasil já teve e, por que não, do encerramento antecipado do governo Dilma.

Incomodados com a reação popular solidária ao Lula, burocratas de vários órgãos do aparelho de Estado incensados por jornalistas de direita apelam aos militares, invocando um artigo da Constituição, a qual recitam de manhã para rasgar à tarde. Numa ação coordenada, pretendem transformar os manifestantes do dia 13 de março, nos golpistas de 1o. de abril de 1964, que instauraram uma ditadura sanguinária no País.

Vamos continuar em vigília permanente, mobilizados e prontos para continuar lutando pelo nosso projeto, pela democracia, contra o golpe, em defesa do Lula, do governo Dilma e de mudanças na atual política econômica.

Vamos participar, organizadamente, das manifestações