1 de Fevereiro de 2015
por esmael
24 Comentários

“A morte do homem do chapéu”

ruth_bamerindus_ze_chapeu.jpgRuth Bolognese*

José Eduardo Andrade Vieira foi um homem incomum: nasceu rico, viveu por dinheiro, sacrificou-se pelo poder e morreu solitário. Desconfiado por natureza, desvendava o mundo à  sua maneira, sob a aba do chapéu texano, ora com arrogância, ora com sabedoria, quase sempre com lucidez e muitas, muitas vezes com ingenuidade. Foi, certamente, o paranaense que mais ganhou dinheiro como presidente do Bamerindus, 3!º maior banco do País na década de 90, e aquele que mais poder acumulou unindo dinheiro do próprio bolso e política, quando elegeu-se Senador da República, e tornou-se ,por um período de tempo, tanto ministro da Indústria e Comércio como da Agricultura de Fernando Henrique Cardoso. E foi, também, o paranaense que mais perdeu dinheiro e poder ao retornar de Brasília para o Paraná ferido de morte por ter perdido o Banco e a ambição pessoal de chegar à  Presidência da República. Leia mais

5 de setembro de 2014
por esmael
4 Comentários

“Ganhar do Campana não tem preço”, diz a marqueteira Ruth Bolognese

Jornalista Ruth Bolognese comemora 1% de Ogier Buchi, candidato do PRP ao governo do Paraná, na pesquisa Ibope divulgada ontem pela RPC TV; marqueteira estreante vê ação do Palácio Iguaçu para "esmagar" candidaturas de pequenos partidos visando liquidar a eleição no primeiro turno; Ogier atribui pontuação na sondagem aos "Cu de Ganso" [Ricos] do Centro Cívico, bairro de Curitiba.

Jornalista Ruth Bolognese comemora 1% de Ogier Buchi, candidato do PRP ao governo do Paraná, na pesquisa Ibope divulgada ontem pela RPC TV; marqueteira estreante vê ação do Palácio Iguaçu para “esmagar” candidaturas de pequenos partidos visando liquidar a eleição no primeiro turno; Ogier atribui pontuação na sondagem aos “Cu de Ganso” [Ricos] do Centro Cívico, bairro de Curitiba.

A jornalista Ruth Bolognese, marqueteira do candidato Ogier Buchi (PRP), marcou seu primeiro ponto — 1% — em uma pesquisa de intenção de voto para o governo do Paraná. Ela pode até perder um amigo, mas jamais perde a piada: Leia mais

7 de agosto de 2014
por esmael
3 Comentários

Marqueteiros perderam espaço para os advogados, diz Murilo Hidalgo

Murilo Hidalgo, presidente da Paraná Pesquisas, ao Blog do Esmael, observa o fenômeno da judicialização nas campanhas eleitorais; segundo ele, os marqueteiros perderam espaço para os advogados nas eleições; mesmo em baixa no mercado, profissionais de comunicação ocupam posição estratégica nas disputas; marqueteiro da senadora Gleisi Hoffmann (PT) é o publicitário Oliveiro Marques e do candidato Beto Richa (PSDB), que disputa a reeleição, é o secretário de Estado da Comunicação, Marcelo Cattani; responsável pelo marketing do senador Roberto Requião (PMDB) é o próprio candidato e Ogier Buchi (PRP) é atendido pela jornalista Ruth Bolognese; quem levará a melhor?

Murilo Hidalgo, presidente da Paraná Pesquisas, ao Blog do Esmael, observa o fenômeno da judicialização nas campanhas eleitorais; segundo ele, os marqueteiros perderam espaço para os advogados nas eleições; mesmo em baixa no mercado, profissionais de comunicação ocupam posição estratégica nas disputas; marqueteiro da senadora Gleisi Hoffmann (PT) é o publicitário Oliveiro Marques e do candidato Beto Richa (PSDB), que disputa a reeleição, é o secretário de Estado da Comunicação, Marcelo Cattani; responsável pelo marketing do senador Roberto Requião (PMDB) é o próprio candidato e Ogier Buchi (PRP) é atendido pela jornalista Ruth Bolognese; quem levará a melhor?

O presidente da Paraná Pesquisas, Murilo Hidalgo, nesta quinta-feira (7), ao Blog do Esmael, afirmou que os marqueteiros perderam espaço nas campanhas eleitorais para os grandes escritórios de advocacia. Ele concorda com a judicialização trava o debate político nas eleições. Leia mais

9 de julho de 2014
por esmael
13 Comentários

Jornalista Ruth Bolognese estreia no marketing eleitoral em 2014

Conhecida como "Serpente Ruiva", a jornalista Ruth Bolognese estreia no marketing eleitoral em 2014; experiente em campanhas eleitorais, ela tem passagem em várias redações e governos; "Vai depender bastante do candidato, mas já tenho uma estratégia para o programa eleitoral e debates", adiantou a nova marqueteira da praça.

Conhecida como “Serpente Ruiva”, a jornalista Ruth Bolognese estreia no marketing eleitoral em 2014; experiente em campanhas eleitorais, ela tem passagem em várias redações e governos; “Vai depender bastante do candidato, mas já tenho uma estratégia para o programa eleitoral e debates”, adiantou a nova marqueteira da praça.

A experiente jornalista Ruth Bolognese será a marqueteira do advogado Ogier Buchi, candidato ao governo do Paraná pelo PRP (Partido Republicano Progressista), ex-integrante da bancada de comentarista do Jornal da Massa, no SBT, que foi extinto na semana passada. Leia mais

13 de Abril de 2014
por esmael
33 Comentários

Antigo “Jornal da Massa” volta nesta segunda, mas sem Ruth Bolognese

Jornal da Massa volta nesta segunda-feira (14) ao antigo formado que o consagrou por cinco anos, mas sem a presença da jornalista Ruth Bolognese na bancada formada por Denian Couto, Ogier Buchi e Paulo Martins; fim do telejornal matinal, há duas semanas, foi uma jogada de marketing ou erro de cálculo do apresentador Ratinho?

Jornal da Massa volta nesta segunda-feira (14) ao antigo formado que o consagrou por cinco anos, mas sem a presença da jornalista Ruth Bolognese na bancada formada por Denian Couto, Ogier Buchi e Paulo Martins; fim do telejornal matinal, há duas semanas, foi uma jogada de marketing ou erro de cálculo do apresentador Ratinho?

O leitor do Blog do Esmael soube em primeira mão que o antigo formato do “Jornal da Massa” voltaria a ser exibido (clique aqui). E é fato. Nesta segunda (14), das 7h à s 8h, o telejornal retorna com bancada formada pelos jornalistas Denian Couto, Paulo Martins e Ogier Buchi, mas sem a jornalista Ruth Bolognese. Leia mais

29 de Março de 2014
por esmael
111 Comentários

Flertando com o PT, Ratinho extermina “Jornal da Massa” pró-Beto Richa

Jornal da Massa, que ia ao ar das 7h à s 8h, havia cinco anos, debulhava dia sim e dia sim! a ex-ministra e senadora Gleisi Hoffmann; fim do telejornal deixa Beto Richa com a pulga atrás da orelha, pois era o único local que "afrouxava o sutiã" para o governador tucano; coincidência ao não com o extermínio do programa televisivo, o apresentador Ratinho se aproximou bastante da presidenta Dilma e, pelo que se fala nos bastidores, se encontrou com Lula recentemente em Curitiba; os profissionais da bancada dançaram, terão de procurar o SINE, mas o "business" da família Ratinho está garantido; jornalista Denian Couto foi o único a permanecer na emissora de TV para conduzir solitariamente, a partir desta segunda-feira, 31, um telejornal sem opinião, sem graça.

Jornal da Massa, que ia ao ar das 7h à s 8h, havia cinco anos, debulhava dia sim e dia sim! a ex-ministra e senadora Gleisi Hoffmann; fim do telejornal deixa Beto Richa com a pulga atrás da orelha, pois era o único local que “afrouxava o sutiã” para o governador tucano; coincidência ao não com o extermínio do programa televisivo, o apresentador Ratinho se aproximou bastante da presidenta Dilma e, pelo que se fala nos bastidores, se encontrou com Lula recentemente em Curitiba; os profissionais da bancada dançaram, terão de procurar o SINE, mas o “business” da família Ratinho está garantido; jornalista Denian Couto foi o único a permanecer na emissora de TV para conduzir solitariamente, a partir desta segunda-feira, 31, um telejornal sem opinião, sem graça.

O apresentador Carlos Roberto Massa, o Ratinho, defenestrou o programa matinal “Jornal da Massa” de sua Rede Massa, no Paraná, sem aviso prévio aos jornalistas que compunham a bancada havia cinco anos. Ogier Buchi, Paulo Martins e Denian Couto — e Ruth Bolognese um pouco antes — foram mandados para a fila do SINE. Leia mais