11 de abril de 2016
por Esmael Morais
11 Comentários

Com sabor de derrota, relatório do golpe passa por 38 a 27 votos

A oposição golpista conseguiu aprovar nesta noite, dentro da previsão, com sabor de derrota, o relatório do golpe por 38 votos favoráveis a 27 contrários. O placar foi apertadíssimo: 58%.

A surpresa ficou por conta da REDE, da ex-senadora Marina Silva, que votou contra o impeachment da presidente Dilma pelas mãos do deputado Aliel Machado (PR) — único representante do partido na comissão.

Agora, o relatório vai ao plenário da Câmara que tem a prerrogativa de autorizar ou rejeitar que o Senado abra o processo de impeachment do presidente da República.

Entretanto, são necessários 342 votos dos parlamentares — ou dois terços de 513 — um quórum praticamente impossível de a oposição conquistar.

Leia mais