9 de março de 2014
por Esmael Morais
14 Comentários

Fábio Camargo pode renunciar ao cargo de conselheiro do TCE

Movimentação intensa nos bastidores da política pode resultar em "acordão" na Assembleia Legislativa do Paraná; segundo o Blog do Johnny, do Caderno Ponta Grossa, o conselheiro Fábio Camargo poderá renunciar ao cargo no Tribunal de Contas do Estado nas próximas horas; se jogar a toalha, conselheiro tem até 5 de abril para se filiar em partido político e disputar cadeira na Assembleia; Plauto ainda avalia se entra no entendimento! visando o TCE, embora tenha consciência de que economizaria "energia" nas eleições e, por tabela, ajudaria reeleger o sobrinho guarapuavano Bernardo Carli.

Movimentação intensa nos bastidores da política pode resultar em “acordão” na Assembleia Legislativa do Paraná; segundo o Blog do Johnny, do Caderno Ponta Grossa, o conselheiro Fábio Camargo poderá renunciar ao cargo no Tribunal de Contas do Estado nas próximas horas; se jogar a toalha, conselheiro tem até 5 de abril para se filiar em partido político e disputar cadeira na Assembleia; Plauto ainda avalia se entra no entendimento! visando o TCE, embora tenha consciência de que economizaria “energia” nas eleições e, por tabela, ajudaria reeleger o sobrinho guarapuavano Bernardo Carli.

O conselheiro do Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR), Fábio Camargo, poderá renunciar ao mandato vitalício para qual foi eleito em 15 de julho de 2013. Esta é a informação do Blog do Johnny, Caderno Ponta Grossa, que vê acordo com o deputado Plauto Miró Guimarães Filho (DEM). ... 

Leia mais