2 de Abril de 2014
por esmael
23 Comentários

No “olho do furacão”, Vargas promete hoje ofensiva em discurso

Vice-presidente da Câmara, André Vargas, pré-candidato à  única cadeira no Senado em 2014, detecta "fogo amigo" e oportunismo político do virtual adversário àlvaro Dias, que tentará a reeleição nas eleições de outubro; tucano também já usou avião do empresário Alberto Youssef, conforme reportagem da Folha em 2001; petista está no olho do furação! e na alça da mira! da velha mídia desde que ousou  erguer o punho cerrado ao lado de Joaquim Barbosa, na abertura do ano legislativo no Congresso, em fevereiro, em solidariedade aos condenados no mensalão; nesta quarta, à  tarde, parlamentar do PT promete partir para a ofensiva em discurso da tribuna.

Vice-presidente da Câmara, André Vargas, pré-candidato à  única cadeira no Senado em 2014, detecta “fogo amigo” e oportunismo político do virtual adversário àlvaro Dias, que tentará a reeleição nas eleições de outubro; tucano também já usou avião do empresário Alberto Youssef, conforme reportagem da Folha em 2001; petista está no olho do furação! e na alça da mira! da velha mídia desde que ousou erguer o punho cerrado ao lado de Joaquim Barbosa, na abertura do ano legislativo no Congresso, em fevereiro, em solidariedade aos condenados no mensalão; nesta quarta, à  tarde, parlamentar do PT promete partir para a ofensiva em discurso da tribuna.

O vice-presidente da Câmara André Vargas (PT-PR), em conversa com este blogueiro, afirmou que está sendo vítima de “fogo amigo” no caso da relação com o empresário Alberto Youssef, investigado pela Polícia Federal, na Operação Lava Jato, que apura esquema de lavagem de dinheiro. Nesta quarta-feira (2), o petista promete partir para a ofensiva na tribuna contra aqueles que tentam fritá-lo politicamente. Leia mais

16 de Fevereiro de 2014
por esmael
41 Comentários

Deputados e senadores do PT ajudam nas vaquinhas para as vítimas de Joaquim Barbosa

do Brasil 247

A grande maioria dos parlamentares do PT está fazendo doações nas vaquinhas dos quatro condenados no julgamento da Ação Penal 470 para pagamento de suas multas; entre os doadores estão o senador Eduardo Suplicy, que está em guerra com o ministro Gilmar Mendes exatamente por causa das doações, e o deputado André Vargas, que levantou o braço com punho cerrado ao lado de Joaquim Barbosa; já entre os petistas que não ajudaram e não ajudarão está o deputado Henrique Fontana, do Rio Grande do Sul; 'Não vou participar'.

A grande maioria dos parlamentares do PT está fazendo doações nas vaquinhas dos quatro condenados no julgamento da Ação Penal 470 para pagamento de suas multas; entre os doadores estão o senador Eduardo Suplicy, que está em guerra com o ministro Gilmar Mendes exatamente por causa das doações, e o deputado André Vargas, que levantou o braço com punho cerrado ao lado de Joaquim Barbosa; já entre os petistas que não ajudaram e não ajudarão está o deputado Henrique Fontana, do Rio Grande do Sul; ‘Não vou participar’.

A grande maioria dos parlamentares do PT está fazendo doações nas vaquinhas dos quatro condenados no julgamento da Ação Penal 470 para pagamento de suas respectivas multas impostas pelo Supremo Tribunal Federal (STF). O jornal Folha de São Paulo diz que ouviu 22 petistas, entre deputados e senadores, 16 deles confirmaram ajuda financeira a Delúbio Soares, João Paulo Cunha, José Dirceu e José Genoino. Leia mais

11 de Fevereiro de 2014
por esmael
25 Comentários

Coluna do André Vargas: “Prepotência de Barbosa é sinônimo de seu despreparado para o STF”

  André Vargas, em sua coluna de hoje, detona o ministro Joaquim Barbosa, presidente do STF, a quem "qualifica" como despreparado para o exercício da função; colunista relata vários momentos de prepotência do magistrado, dentre as quais aquele em que se recusou cumprimentar a presidenta Dilma; vice-presidente da Câmara vê filtro moral! da mídia que o condenou pelo gesto com o punho cerrado, mas não questiona Barbosa pelo imóvel em Miami, as várias declarações antidemocráticas contra o Congresso Nacional, as investidas contra os TRFs; Na ânsia de atacar o PT, [a mídia] construiu um falso herói que mesmo blindado não consegue esconder seu despreparo para o exercício da função de presidente da Suprema Corte do Brasil!; leia o texto.


André Vargas, em sua coluna de hoje, detona o ministro Joaquim Barbosa, presidente do STF, a quem “qualifica” como despreparado para o exercício da função; colunista relata vários momentos de prepotência do magistrado, dentre as quais aquele em que se recusou cumprimentar a presidenta Dilma; vice-presidente da Câmara vê filtro moral! da mídia que o condenou pelo gesto com o punho cerrado, mas não questiona Barbosa pelo imóvel em Miami, as várias declarações antidemocráticas contra o Congresso Nacional, as investidas contra os TRFs; Na ânsia de atacar o PT, [a mídia] construiu um falso herói que mesmo blindado não consegue esconder seu despreparo para o exercício da função de presidente da Suprema Corte do Brasil!; leia o texto.

por André Vargas*

A polêmica ocorrida na solenidade de retomada das atividades do Congresso Nacional quando ergui o braço, com punho cerrado, num cumprimento a deputados do partido postados na Câmara Federal, demonstra como a mídia brasileira tem lado. Na ânsia de atacar o PT, construiu um falso herói que mesmo blindado não consegue esconder seu despreparo para o exercício da função de presidente da Suprema Corte do Brasil. Leia mais

9 de Fevereiro de 2014
por esmael
9 Comentários

André Vargas: “Fiz um gesto político de resistência à  visão autoritária de Barbosa!

Dizendo não temer Joaquim Barbosa, presidente do STF, o deputado André Vargas, vice-presidente da Câmara, em entrevista ao jornal Gazeta do Povo, neste domingo (9), afirma que todos ficam intimidados, mas alguém precisa reagir! à  perseguição política do ministro ao PT; "Fiz um gesto político de resistência à  visão autoritária de Barbosa!, explicou o petista, que virou herói no partido pela coragem de abrir o debate sobre a atuação política da Suprema Corte; direita raivosa, apoiada pela velha mídia, ameaça pedir cassação do mandato do parlamentar paranaense; tucanos e assemelhados alegam quebra do decoro parlamentar, quando, na verdade, o deputado do PT apenas exerceu a prerrogativa do mesmo; gesto do punho cerrado, sem a cotovelada, que ficou no âmbito da vontade, compõe a cesta da liberdade de expressão. (Charge de Paixão !“ Gazeta do Povo (PR).

Dizendo não temer Joaquim Barbosa, presidente do STF, o deputado André Vargas, vice-presidente da Câmara, em entrevista ao jornal Gazeta do Povo, neste domingo (9), afirma que todos ficam intimidados, mas alguém precisa reagir! à  perseguição política do ministro ao PT; “Fiz um gesto político de resistência à  visão autoritária de Barbosa!, explicou o petista, que virou herói no partido pela coragem de abrir o debate sobre a atuação política da Suprema Corte; direita raivosa, apoiada pela velha mídia, ameaça pedir cassação do mandato do parlamentar paranaense; tucanos e assemelhados alegam quebra do decoro parlamentar, quando, na verdade, o deputado do PT apenas exerceu a prerrogativa do mesmo; gesto do punho cerrado, sem a cotovelada, que ficou no âmbito da vontade, compõe a cesta da liberdade de expressão. (Charge de Paixão !“ Gazeta do Povo (PR).

O deputado federal André Vargas (PT-PR), vice-presidente da Câmara, entrou no olho do furacão, no começo da semana passada, quando ousou cerrar o punho na frente do ministro Joaquim Barbosa, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF). Em entrevista ao jornal Gazeta do Povo, edição deste domingo (9), o petista explicou o porquê da provocação ao magistrado: “Fiz um gesto político de resistência à  visão autoritária de Barbosa!. Leia mais