Moro ameaça

► Dono de inferninhos na capital paranaense [“casas de recursos”, como diziam os antigos] será o coordenador do ex-juiz O ex-juiz Sergio Moro, pré-candidato do União a algum foro privilegiado, ameaçou divulgar “em breve” cinco propostas para o Paraná e o Brasil. – Em breve, cinco propostas para transformar o Paraná e o Brasil – … Read more

Coluna do Requião Filho: Seria Gustavo Fruet um “Maluf invertido” que não rouba, mas nada faz?

Requião Filho, em sua coluna desta quinta-feira (23), abriu fogo contra o prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet (PDT), a quem comparou a um “Maluf invertido” que não rouba, mas também não faz nada; colunista contestou entrevista do pedetista no último domingo, antes de viajar para a Europa; Requião Filho também criticou o alcaide da capital dizendo que na cidade real, de verdade, há problemas estruturais a serem resolvidos como tarifas caras e ônibus superlotados, valetas, criminalidade, falta de saúde e creche, dentre outras mazelas; leia o texto e compartilhe.
Requião Filho, em sua coluna desta quinta-feira (23), abriu fogo contra o prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet (PDT), a quem comparou a um “Maluf invertido” que não rouba, mas também não faz nada; colunista contestou entrevista do pedetista no último domingo, antes de viajar para a Europa; Requião Filho também criticou o alcaide da capital dizendo que na cidade real, de verdade, há problemas estruturais a serem resolvidos como tarifas caras e ônibus superlotados, valetas, criminalidade, falta de saúde e creche, dentre outras mazelas; leia o texto e compartilhe.
Requião Filho*

Li nos jornais que nas próximas eleições municipais a vitória será de quem tiver o nome menos envolvido em escândalos. Fiquei escandalizado com tal afirmação! Oras(!), sempre achei que o cargo de prefeito deveria ser daquele que trouxesse as melhores propostas à mesa. Estamos em uma lógica paulistana às avessas, é a antítese do velho Maluf que era conhecido vulgarmente como o “rouba mas faz”. Agora vale o “não faz, mas gente, ele não roubou…”

Pela lógica colocada basta não roubar e não ter quase todos os amigos, comissionados ou não, presos para ser um bom prefeito. Não há que se falar em fazer obras necessárias nos bairros? Peitar e enfrentar a tarifa do transporte coletivo, isso pode? Pela lógica não… melhor não discutir e deixar os tarifeiros cada vez ganhando mais com um serviço cada vez pior. O grande projeto para a prefeitura seria a maquiagem, tipo um “prefeito cross-fox”: um carro urbano com carinha e adereços de aventureiro que atola em poça de lama.

Uma cidade sempre tem problemas estruturais, problemas reais de pessoas de verdade, daquelas que acordam cedo, pulam a valeta na porta de casa para pegar um ônibus superlotado e arca com as tarifas mais caras do sul do mundo! Pessoas que não tem creche para deixar os filhos. Pessoas que não são atendidas em posto de saúde. Pessoas verdadeiras e que também de forma verdadeira morrem de medo de andar nas ruas e logradouros públicos que estão abandonados… mas, como uma boa Palio Adventure, a cidade ganha alguns adereços…

Read more

Richa divulga proposta para a educação: ‘Veja com a Vanda’

Gazeta do Povo publica proposta de Beto Richa para a educação onde destaca, entre parênteses, que dados teriam de ser providenciados; "ver com a Vanda quais são os números", dizia o documento do tucano (clique na imagem para ampliar); em análise especial para o Blog do Esmael, educadores afirmam que ato falho na revisão do texto seria mais uma evidência da falta de compromisso do governo do estado com a área; nesta terça-feira, dia 19, a APP-Sindicato realizará o primeiro debate desta eleição entre os candidatos ao Palácio Iguaçu; será que alguém perguntará cadê a Vanda! durante o confronto?; abaixo, leia o arrazoado de professores e pedagogos sobre o programa educacional do governador do PSDB.
Gazeta do Povo publica proposta de Beto Richa para a educação onde destaca, entre parênteses, que dados teriam de ser providenciados; “ver com a Vanda quais são os números”, dizia o documento do tucano (clique na imagem para ampliar); em análise especial para o Blog do Esmael, educadores afirmam que ato falho na revisão do texto seria mais uma evidência da falta de compromisso do governo do estado com a área; nesta terça-feira, dia 19, a APP-Sindicato realizará o primeiro debate desta eleição entre os candidatos ao Palácio Iguaçu; será que alguém perguntará cadê a Vanda! durante o confronto?; abaixo, leia o arrazoado de professores e pedagogos sobre o programa educacional do governador do PSDB.
“Veja com a Vanda” tem tudo para ser o novo bordão de campanha do governador Beto Richa (PSDB). Educadores encaminharam ao Blog do Esmael análise crítica das propostas do tucano para a área caso seja reeleito em outubro. O documento do candidato do PSDB foi publicado pelo jornal Gazeta do Povo, na edição do dia 10 de agosto, onde eles destacam entre parênteses a informação “ver com a Vanda quais são os números”.

Afinal, quem é Vanda? Trata-se de Vanda Dolci Garcia, diretora de Informação e Planejamento da Superintendência de Desenvolvimento Educacional (SUDE) — a antiga Fundepar. Ela é a responsável pelo censo escolar.

Para os educadores, o governador Beto Richa encaminhou um documento para o jornal Gazeta do Povo sem ler ou revisar. Sem compromisso nenhum, da mesma forma como o governo trata a educação do Paraná!, criticam.

Na próxima terça-feira, dia 19, no primeiro debate entre os candidatos ao Palácio Iguaçu, promovido pela APP-Sindicato, será inevitável a pergunta: “cadê a Vanda?” ou “veja com a Vanda”.

A seguir, leia a íntegra do documento produzido por professores e pedagogos a pedido do Blog do Esmael:

Read more