15 de maio de 2016
por esmael
8 Comentários

Richa desprestigiou Temer, mas quer indicar o irmão Pepe na Itaipu

richa_pepeO governador Beto Richa (PSDB) não compareceu à cerimônia de posse do presidente interino Michel Temer, na quinta-feira 12, após a consumação do golpe de Estado. Preferiu cumprir agenda em Maringá e Foz do Iguaçu, no interior do Paraná.

O tucano também deixou de prestigiar a posse do deputado aliado Ricardo Barros (PP-PR), no Ministério da Saúde, cuja mulher, Cida Borghetti (PP), é sua vice e candidata ao governo do estado em 2018.

Apesar de desprestigiar Temer e Barros, o governador do PSDB quer emplacar o mano Pepe Richa na usina Itaipu Binacional, pois, dessa forma, evitaria o desgaste de demitir o próprio irmão da Secretaria de Estado da Infraestrutura por “insuficiência técnica” e otras cositas mas.

13 de maio de 2016
por esmael
8 Comentários

Governo interino de Michel Temer reencarna a República Velha

michel_temerO colunista Bruno Meirinho afirma que ascensão do presidente interino, Michel Temer, significou uma marcha à ré (retrocesso) na História em quase 130 anos. “O governo Temer resgata a República Velha em toda a sua essência, a começar pela ausência de mulheres no ministério”, crava o analista, que vê o interino como a “reencarnação” daquele período da política do café com leite da política brasileira. Meirinho observa ainda que, antes de 1930, as mulheres não tinham direito ao voto nem de participar da política que era tarefa de “notáveis”. Abaixo, leia, opine e compartilhe a íntegra da coluna:

12 de maio de 2016
por esmael
13 Comentários

Michel Temer ‘desafina’ já no início da interinidade

temer_desafinaO presidente interino Michel Temer ‘desafinou’ na cerimônia de posse dos 22 novos ministros provisórios — que permanecerão no cargo até 180 dias.

Envergonhado pelo golpe e pela maneira que destituiu a presidente eleita Dilma Rousseff, o interino falou ‘fino’ — literalmente — porque lhe sumiu a voz durante o pronunciamento.

Um dos pontos altos do primeiro pronunciamento do interino foi a promessa de recuperar a “liturgia” do cargo de presidente da República, ou seja, buscará mais formalidade em relação aos governos do PT.

12 de maio de 2016
por esmael
13 Comentários

Presidente interino assume pela “porta dos fundos” longe do povo

temer_jaburuTrês fatos chamaram a atenção do Brasil e do mundo nesta quinta-feira, dia 12 de maio, que ficará para a História: 1- a presidente Dilma Rousseff foi afastada do cargo nos braços do povo, que foi saudá-la no Palácio do Planalto; 2- o presidente interino Michel Temer, depois do golpe consumado, assumiu o cargo pela porta dos fundos, ou seja, no Palácio Jaburu, longe dos olhos do povo; e 3- a serenidade da presidente deposta.