13 de novembro de 2014
por Esmael Morais
15 Comentários

PT x PT: Militantes de cultura publicam manifesto questionando gestão da Fundação Cultural de Curitiba

acorda.jpg

Foi lançado nesta quinta-feira (13) um manifesto cobrando promessas de campanha do prefeito Gustavo Fruet (PDT) para área da cultura e criticando a gestão da Fundação Cultural de Curtitba (FCC), encabeçada pelo petista Marcos Cordiolli.

Chamado de Não é só por 1%! em uma referência à  promessa de aplicação de 1% do orçamento municipal na área, o texto é assinado por artistas e militantes da cultura e das artes de Curitiba, muitos deles filiados ao próprio PT.

As críticas à  gestão de Cordiolli na FCC não são novidade. Os! artistas, trabalhadores e militantes da área não escondem a decepção! com a gestão da cultura, das artes e do patrimônio municipal. A falta de verbas para financiar projetos é um dos motivos, mas não é o único. O texto fala em! crise! administrativa e inépcia da atual gestão da Fundação.

O que se comenta é que a administração! petista na FCC é lenta e antidemocrática, o que seria inclusive um dos motivos da baixa votação do deputado federal Angelo Vanhoni (PT), que não conseguiu se reeleger; pois os gestores da Fundação são militantes do seu grupo político, e os desmandos na área teriam causado um forte estrago na base que lhe foi fiel por mais de duas décadas.

O Manifesto Não é só por 1%! está publicado no endereço acordaculturacuritiba.com! e está aberto a adesões pela internet. Lá é possível conferir quem já aderiu. Leia mais