Blog do Esmael

A política como ela é em tempo real.

15 de abril de 2014
por esmael
51 Comentários

Coluna do Enio Verri: “As desculpas acabaram. Vai começar o governo Richa?”

Enio Verri*

No primeiro ano de mandato, Beto Richa não fez outra coisa a não ser atribuir a culpa pela inércia administrativa dos primeiros meses ao antecessor. O discurso repetido exaustivamente pela claque tucana era da herança maldita!: o governo Requião havia deixado o Paraná quebrado e organizar as contas levaria certo tempo. Quem se lembra?

Meses mais tarde, depois de um sem número de decisões catastróficas em termos de gestão pública e responsabilidade fiscal, o governo tucano precisava de um novo bode expiatório para dissimular seu fracasso. O escolhido foi o terrível! governo federal, na pessoa do secretário do Tesouro Nacional, Arno Augustin, por supostamente travar os empréstimos ao estado, prejudicando deliberadamente a gestão Richa.

O trato do governo Richa no processo de liberação dos empréstimos foi uma aula magna de incompetência, falta de diálogo, desorganização e manipulação política da operação. Finalmente, seguindo as sugestões do próprio Augustin, na semana passada, o governo encontrou o caminho da liberação dos empréstimos, sendo o primeiro no valor de R$ 817 milhões do Programa Proinveste.

As desculpas acabaram. A liberação dos recursos sempre foi colocada como fator determinante para que o Paraná possa reorganizar as finanças, marcadas por atrasos com fornecedores e risco de não conseguir pagar a folha de pagamento.

A pergunta que todos os paranaenses fazem neste momento é: o governo vai finalmente pagar as dívidas com os fornecedores, que ultrapassam R$ 1 bilhão? A população pode esperar que as viaturas não vão mais ficar sem combustível nas ruas e que não vai mais faltar medicamentos nos hospitais e postos de saúde?

As mesmas dúvidas estão nas pequenas prefeituras. O dinheiro do PAM (Plano de Apoio dos Municípios) !“ cerca de R$ 150 milhões !“, programa do governo estadual que destina recursos a fundo perdido para cidades com menos de 50 mil habitantes vai finalmente chegar, depois de tantas promessas?

Da mesma forma, os servidores estaduais terão garantidos o pagamento de salários, benefícios e plano de carreira?

Os paranaenses querem saber. A oito meses do fim, vai finalmente começar o governo Beto Richa para além das eternas promessas não cumpridas, ou novas desculpas virão do Palácio Iguaçu?

*Enio Verri é deputado estadual, presidente do PT do Paraná e professor licenciado do departamento de Economia da Universidade Estadual do Paraná. Interinamente, nas

9 de abril de 2014
por esmael
44 Comentários

Governo Beto Richa cancela obras e causa constrangimentos a prefeitos no Paraná

Quebrado financeiramente, governo Beto Richa manda ofício a prefeitos do interior cancelando obras anunciadas anteriormente; município de Cândido de Abreu, por exemplo, depois de festa e foguetório, na assinatura de convênios, foi informado do cancelamento da construção de uma Biblioteca Cidadã no valor de R$ 500 mil; mais: prefeito José Maria Reis Júnior ainda terá de passar pelo constrangimento de devolver maquinários não pagos pelo governo do Paraná; Teve caso em que o governador Beto Richa anunciou R$ 30 milhões para o município, mas o dinheiro nunca apareceu. O pobre prefeito teve que ficar se explicando e provar que não roubou a verba pública!, contou ao blog o deputado federal João Arruda (PMDB), em setembro do ano passado.

Quebrado financeiramente, governo Beto Richa manda ofício a prefeitos do interior cancelando obras anunciadas anteriormente; município de Cândido de Abreu, por exemplo, depois de festa e foguetório, na assinatura de convênios, foi informado do cancelamento da construção de uma Biblioteca Cidadã no valor de R$ 500 mil; mais: prefeito José Maria Reis Júnior ainda terá de passar pelo constrangimento de devolver maquinários não pagos pelo governo do Paraná; Teve caso em que o governador Beto Richa anunciou R$ 30 milhões para o município, mas o dinheiro nunca apareceu. O pobre prefeito teve que ficar se explicando e provar que não roubou a verba pública!, contou ao blog o deputado federal João Arruda (PMDB), em setembro do ano passado.

A crise financeira que assola o governo de Beto Richa (PSDB) começou a bater nos municípios paranaenses. O blog teve acesso a um ofício do secretário de Estado da Cultura, Paulino Viapiana, no qual informa ao prefeito José Maria Reis Júnior, de Cândido de Abreu, do cancelamento de convênio firmado para a construção de uma Biblioteca Cidadã no município no valor de R$ 500 mil. Leia mais

11 de setembro de 2013
por esmael
13 Comentários

Deputados do PMDB só estão de olho no ‘PAM’ do governador Beto Richa

Deputados do PMDB só estão de olho no PAM do governador Beto Richa; peemedebistas podem romper com tucano em junho, nas convenções, quando é proibida a celebração de contratos e convênios com as prefeituras;  projeções indicam redução de 50% na bancada do partido, caso se coliguem na proporcional com o PSDB; petistas, de antemão, dizem não! à  composição; afinal, quem salvará a reeleição desses parlamentares do PMDB?

Deputados do PMDB só estão de olho no PAM do governador Beto Richa; peemedebistas podem romper com tucano em junho, nas convenções, quando é proibida a celebração de contratos e convênios com as prefeituras; projeções indicam redução de 50% na bancada do partido, caso se coliguem na proporcional com o PSDB; petistas, de antemão, dizem não! à  composição; afinal, quem salvará a reeleição desses parlamentares do PMDB?

A bancada estadual do PMDB na Assembleia Legislativa, embora jure amor eterno, está apenas de olho no PAM (Plano de Apoio ao Desenvolvimento dos Municípios) do governador Beto Richa (PSDB). Leia mais