Lula não pode, mas juízes podem faturar com palestras com pagamento sigiloso

A decisão é do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), órgão presidido pelo ministro Ricardo Lewandowski. Os juízes não precisam informar quanto recebem por ministrar palestras.

Ler Mais Lula não pode, mas juízes podem faturar com palestras com pagamento sigiloso