29 de maio de 2015
por Esmael Morais
22 Comentários

100 mil educadores saem hoje às ruas do Paraná pelo “Fora Beto Richa”

Nesta sexta-feira, dia 29 de maio, após um mês do massacre no Centro Cívico, em Curitiba, cerca de 100 mil educadores marcham em várias cidades do Paraná para lembrar o ato de covardia autorizado pelo governador Beto Richa (PSDB).

O Blog do Esmael vai transmitir ao vivo, a partir das 10 horas, em parceria com a TV 15, a manifestação de professores e funcionários em greve desde a capital paranaense. A concentração do movimento será na Praça 19 de Dezembro (Praça dos Peladões).

Também haverá atualização das informações da marcha ‘em tempo real’ pelo Facebook. Para acompanhar tudo o que acontecerá, basta você curtir a página do Blog do Esmael.

Em guerra suja contra o magistério paranaense, Richa divulgou ontem (28) informações falsas sobre salários dos educadores no Portal da Transparência. Segundo a APP-Sindicato, o governo estado utilizou covardemente a estrutura do Estado para massacrar a honra de professores.

Nas ruas do Paraná, a principal palavra de ordem no dia de hoje será “Fora Beto Richa” e “impeachment já”.

“Não temos problema em divulgar nossos salários, desde que não sejam distorcidos na tentativa de jogar a população contra os trabalhadores da educação”, criticou Marlei Fernandes, diretora da entidade.

Ao divulgar falsos valores de salários do magistério, o tucano teve atitude fascista visando desmoralizar a categoria em greve. Apelando para a mentira, o Palácio Iguaçu se desmoraliza de vez e reagrupa os grevistas.

Os educadores também acusam o governo do PSDB de tentar cancelar o ano letivo para mais de 1 milhão de alunos da educação básica paranaense. Isto representaria escolas fechadas e “economia” no caixa sem fundo de Richa.

Leia mais