31 de julho de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Hélio Bicudo, um dos autores do impeachment de Dilma, morre aos 96 anos

Hélio Bicudo, um dos autores do impeachment de Dilma, morre aos 96 anos

O jurista Hélio Bicudo, um dos autores do pedido de impeachment de Dilma Rousseff, morreu nesta terça-feira (31) aos 96 anos. ... 

Leia mais

21 de fevereiro de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em BBC também diz que Facebook está com os dias contados; leia as oito razões

BBC também diz que Facebook está com os dias contados; leia as oito razões

O Blog do Esmael levantou recentemente que a “morte” do Facebook estaria próxima, à luz da decisão da Folha de S. Paulo de deixar abandonar o aplicativo de Mark Zuckerberg. Pois bem, esta semana a BBC trouxe uma reportagem Amol Rajan que enumera as 8 razões que mostram que a rede social atingiu seu auge e pode começar a perder influência. ... 

Leia mais

29 de janeiro de 2018
por Esmael Morais
7 Comentários

Não existe morte definitiva em duas hipóteses: 1- na política e 2- no cinema

A mídia comemorou antecipadamente a “morte” do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva após sua condenação pelo TRF4. Entretanto, não existe morte definitiva em duas hipóteses: 1- na política e 2- no cinema. Até Michel Temer concorda com essa máxima. ... 

Leia mais

11 de novembro de 2017
por Esmael Morais
34 Comentários

IstoÉ pede morte a Lula

A revista IstoÉ saiu do armário neste fim de semana ao pregar a eliminação física de Lula para que ela, Globo, Veja, Estadão, Folha, etc., continuem mamando na teta do Estado. É que diz o colunista da publicação Mario Vitor Rodrigues: Leia mais

9 de agosto de 2016
por Esmael Morais
19 Comentários

Esquerda e direito do trabalho perdem Edésio Passos

edesio_lulaMorreu nesta terça (9), em Florianópolis, vitimado por uma parada cardíaca, aos 77 anos, o advogado e militante de esquerda Edésio Franco Passos. Leia mais

8 de julho de 2014
por Esmael Morais
3 Comentários

Morre aos 83 anos ex-deputado Plínio de Arruda Sampaio, do PSOL

Plínio de Arruda Sampaio, fundador do jornal Correio da Cidadania, morreu hoje aos 83 anos em São Paulo; candidato a presidente da República pelo PSOL, em 2010,  ele conquistou 886 mil votos; era militante da esquerda católica no pré-golpe de 64 e foi deputado Constituinte pelo PT; "Muito triste: acabei de ficar sabendo do falecimento do nosso querido Plínio", chorou pelas redes sociais Bernardo Pilotto, candidato do PSOL ao governo do Paraná.

Plínio de Arruda Sampaio, fundador do jornal Correio da Cidadania, morreu hoje aos 83 anos em São Paulo; candidato a presidente da República pelo PSOL, em 2010, ele conquistou 886 mil votos; era militante da esquerda católica no pré-golpe de 64 e foi deputado Constituinte pelo PT; “Muito triste: acabei de ficar sabendo do falecimento do nosso querido Plínio”, chorou pelas redes sociais Bernardo Pilotto, candidato do PSOL ao governo do Paraná.

O ex-deputado federal Plínio de Arruda Sampaio morreu nesta terça-feira (8), em São Paulo, aos 83 anos. Ele disputou a Presidência da República pelo PSOL, em 2010, quando obteve 886 mil votos. ... 

Leia mais

18 de março de 2014
por Esmael Morais
1 Comentário

Ucrânia diz que soldado foi morto na Crimeia; conflito entra na fase militar

da Agência Brasil

Soldado ucraniano morre em ataque à  base de Simferopol, na capital da Crimeia; nesta terça, Putin aprovou projeto de tratado visando incorporar território à  Rússia e afirmou que a Crimeia sempre foi e será! parte de seu país; se confirmado esse incidente, o conflito passa efetivamente agora para a fase militar.

Soldado ucraniano morre em ataque à  base de Simferopol, na capital da Crimeia; nesta terça, Putin aprovou projeto de tratado visando incorporar território à  Rússia e afirmou que a Crimeia sempre foi e será! parte de seu país; se confirmado esse incidente, o conflito passa efetivamente agora para a fase militar.

Depois do presidente russo Vladimir Putin aprovar um projeto de tratado para incorporar a Crimeia à  Rússia e afirmar que a Crimeia sempre foi e será! parte de seu país, o Ministério da Defesa da Ucrânia informou que um oficial foi morto e outro ficou ferido durante um ataque de homens armados a uma base ucraniana em Simferopol, capital da Crimeia. ... 

Leia mais

2 de dezembro de 2013
por Esmael Morais
6 Comentários

Morre Déda, governador de Sergipe. PT perde um de seus maiores quadros

do Brasil 247
O governador Marcelo Déda Chagas (53) faleceu na madrugada (4h45, horário de Brasília) desta segunda-feira, 2 de dezembro de 2013. Desde setembro do ano passado, ele lutava contra um câncer no estômago. Déda se licenciou do governo no último dia 27 de maio e fazia tratamento contra a doença no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. O governador, casado com Eliane Aquino, deixa cinco filhos. A informação sobre o falecimento foi feita pelo Twitter do próprio Déda (rede social que ele usava frequentemente, inclusive, durante todo o tratamento): “O céu acaba de ganhar mais uma estrela, Marcelo Déda voou ‘nas asas da quimera’. Paz & Bem – família Marcelo Déda”. Ainda não há informações sobre o velório e o enterro. Sabe-se apenas que o velório ocorrerá no Palácio-Museu Olímpio Campos, no centro de Aracaju.

Durante o domingo (1!º), políticos de diferentes linhas ideológicas já lamentavam o agravamento da doença e postavam mensagens de solidariedade nas redes sociais (leia aqui). Na noite do sábado (1!º), o hospital emitiu um boletim de ocorrência em que informava sobre o agravamento do quadro clínico (leia aqui). Em junho, quando foi submetido a uma delicada cirurgia – extração do baço -, Déda gravou um áudio, onde pedia orações ao povo sergipano (leia aqui).

Na luta contra a doença, Marcelo Déda deu exemplo de garra e determinação pela vida e também da sua disposição em trabalhar pelo Estado de Sergipe. Mesmo em tratamento, ele se manteve a frente do governo, em prol da aprovação do Proinveste, projeto que destinou mais de R$ 720 milhões, em recursos federais, para Sergipe. Sua ação política, neste caso, foi reconhecida até pela oposição, que em primeira votação rejeitou o empréstimo, mas diante de um canal de diálogo aberto com todas as lideranças políticas do Estado, Déda conseguiu reverter Leia mais