31 de janeiro de 2019
por Esmael Morais
Comentários desativados em Frei Chico: Lula só será solto com mobilização popular; assista

Frei Chico: Lula só será solto com mobilização popular; assista

O ex-presidente Lula recebeu nesta quinta-feira (31) a visita do seu irmão, José Ferreira da Silva, que é conhecido como Frei Chico. A visita acontece um dia após ex-presidente ter sido impedido pela Justiça de ir no enterro de Genival Inácio da Silva, o Vavá, irmão mais velho de ambos.   ... 

Leia mais

15 de março de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em As esquerdas na hora da travessia

As esquerdas na hora da travessia

Para o ex-ministro Roberto Amaral, as forças democráticas não lograrão avanços se não recuperarem a capacidade de mobilização popular. “Como apostar todas as fichas em uma Instituição sabidamente inconfiável?”, questiona.

As esquerdas na hora da travessia ... 

Leia mais

21 de julho de 2015
por Esmael Morais
23 Comentários

Onda contrária a aumentos nos salários e número de vereadores se espalha pelo Paraná

vereadores

A mobilização popular que forçou os vereadores de Santo Antônio da Platina, Norte Pioneiro, a desistirem de um gordo reajuste nos próprios salários para um valor próximo do mínimo (R$ 970,00) e ainda recuarem do aumento do número de cadeiras na casa de 9 para 13 está influenciando outros municípios do Paraná.

A reviravolta acabou dando espaço a uma nova liderança. A comerciante Adriana Lemes de Oliveira virou celebridade nacional ao questionar os vereadores sobre a imoralidade do aumento de 100% nos salários e do número de cadeiras.

Um vídeo mostrando a discussão da empresária com vereadores viralizou na internet e ela é a nova liderança política da cidade. Adriana poderá disputar a prefeitura com o atual mandatário Pedro Claro (DEM).

Em Ponta Grossa, nos Campos Gerais, os vereadores estão discutindo reduzir o número de vagas na Câmara Municipal. Atualmente, a cidade tem 23 vereadores. Há propostas de redução para 19, 15 e até nove cadeiras. Em Fazenda Rio Grande e Piraquara, na Região Metropolitana de Curitiba, os prefeitos vetaram reajustes nos salários aprovados pelos vereadores.

Vereadores de Cornélio Procópio, Ibaiti e Siqueira Campos, todas no Norte Pioneiro, também desistiram de tentar aumentar os próprios salários. Na contramão ficaram Araucária e Jacarezinho, que mesmo com a pressão popular, aumentaram o número de vereadores. A primeira passa de 11 para 15 e a segunda de 9 para 13 edis. Leia mais