15 de dezembro de 2016
por Esmael Morais
18 Comentários

Por falar em corrupção, copiloto de Beto Richa é condenado a 97 anos de cadeia no Paraná

O ex-inspetor-geral de fiscalização da Receita Estadual, Márcio Albuquerque Lima, amigo e copiloto do governador Beto Richa (PSDB) nas corridas de 500 Milhas de Londrina, foi condenado a 97 anos de prisão nesta quinta (15) por chefiar esquema de corrupção na Receita Estadual do Paraná. Leia mais

5 de julho de 2016
por Esmael Morais
23 Comentários

Após ilação do MP, Requião orienta aliados a lutarem pela CPI da Receita Estadual

joao_arrudaO senador Roberto Requião (PMDB) orientou nesta terça (5) que aliados retomem a luta pela instalação da CPI para investigar propinas na Receita Estadual. A decisão do peemedebista, em intensificar a coleta de assinaturas na Assembleia, ocorre após ter o seu nome citado na delação do fiscal Luiz Antônio de Souza. Leia mais

9 de agosto de 2015
por Esmael Morais
16 Comentários

Após acidente de trânsito, cibercomissionados atacam promotora do Gaeco; assista ao vídeo

gaeco_tenda_digitalCibertucanos estão distribuindo nas redes sociais dois vídeos que supostamente mostrariam a promotora Leila Shimiti, coordenadora do Gaeco (Grupo de Combate ao Crime Organizado), tentando evadir-se do local após bater seu carro na noite de ontem (8) em Londrina. ... 

Leia mais

21 de março de 2015
por Esmael Morais
15 Comentários

“Taradão do Palácio Iguaçu” fez campanha ao lado de Beto Richa

O fotógrafo Marcelo “Tchello” Caramori, preso por pedofilia em Londrina, era mais do que assessor do governador Beto Richa (PSDB) no Palácio Iguaçu, onde detinha um cargo destinado somente às chefias com simbologia DAS-5.

Na manhã deste sábado (21), fotos enviadas ao Blog do Esmael revelam que o “Taradão do Palácio Iguaçu” era também correligionário e estrategista político do tucano na região Norte.

Numa das fotografias “Tchello” é flagrado desfilando em carro aberto ao lado de Richa, em 2012, na campanha de Marcelo Belinati (PP) à prefeitura de Londrina. O lugar cativo no carro aberto, além do cargo comissionado, era uma prova inconteste da proximidade do taradão com o governador.

Recentemente, o Palácio Iguaçu dizia não saber o que fazia Caramori no governo do estado e negou relação do fotógrafo acusado de pedofilia com o tucano.

Ontem à tarde, o Blog do Esmael havia desmentido a “distância” alegada pelo tucano em relação a outros dois presos pelo Gaeco, Luiz Abi Antoun e Márcio Albuquerque Lima, por corrupção na Receita Estadual e fraude em licitação do governo do estado. A fotografia os mostrou “juntinhos” com Richa em festa de Réveillon (clique aqui).

Para o leitor não se perder no raciocínio, o Gaeco londrinense atua em três casos que se entrelaçam entre si porque algumas mesmas pessoas estariam envolvidas em crimes diferentes: 1) corrupção nas licitações de oficinas mecânicas; 2) fraude da Receita Estadual que pode chegar a R$ 500 milhões; e 3) pedofilia.

Para fechar o repolho, ontem à noite o deputado federal João Arruda (PMDB) divulgou em seu Twitter o perfil de Caramori no site de fotografias Flogão: “busco mulheres que queiram fazer ensaios para revistas de nu femenino entre contato comigo no meu email” (sic).

Veja o fac-símile da página de Tchello no Flogão:

Leia mais

7 de março de 2015
por Esmael Morais
41 Comentários

Betogate: Corrupção na Receita bate à  porta do governador Beto Richa

richa_caramori_jl_corrupcao.jpgA prisão do suposto “taradão” de Londrina, Marcelo Caramori, o Tchello, ex-fotógrafo do governo do Paraná, é só a ponta do iceberg de um megaesquema de corrupção que está sendo investigado pelo Grupo Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), braço policial do Ministério Público do Paraná (MP). ... 

Leia mais