5 de março de 2016
por Esmael Morais
46 Comentários

Petistas querem ir às ruas dia 13 contra golpe jurídico-midiático

A militância do Partido dos Trabalhadores quer resgatar a mística do número “13” definindo o próximo domingo, dia 13 de março, como data de manifestações contra a parceria Moro-Globo. O diabo é que oposicionistas que defendem o impeachment da presidente Dilma também marcaram o próximo domingo 13 para sair às ruas.

Em Brasília, por exemplo, o PT já decidiu ocupar a Esplanada dos Ministérios no domingo 13, a partir das 9 horas, contra os golpistas.

Para a militância, o “13” foi surrupiado do PT pelos coxinhas que prometem protesto no próximo dia 13 de março em apoio ao golpe jurídico-midiático, contra o governo Dilma e o ex-presidente Lula, a favor do juiz Sérgio Moro.

Além do Distrito Federal, também no dia 13 de março, a militância petista articula sair às ruas em Salvador e no Rio de Janeiro – com direito a protesto em frente a Rede Globo.

A radicalização dos dois lados — oposição e situação – deveu-se à “condução coercitiva” do ex-presidente Lula para prestar depoimento ontem (4), na Polícia Federal, no aeroporto de Congonhas. Há, no entanto, quem tenha visto nessa 24ª fase da operação Lava Jato um sequestro e uma tentativa de golpe jurídico-midiático contra o governo Dilma.

Leia mais