12 de março de 2019
por Esmael Morais
Comentários desativados em Para descobrir quem mandou matar Marielle, “siga o dinheiro”, orienta Flávio Dino

Para descobrir quem mandou matar Marielle, “siga o dinheiro”, orienta Flávio Dino

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), diz que basta achar o tesoureiro dos milicianos presos sob acusação dos assassinatos de Marielle Franco e Anderson Gomes, para que o caso seja totalmente desvendado. ... 

Leia mais

28 de janeiro de 2019
por Esmael Morais
Comentários desativados em Flávio Dino anuncia que bombeiros do Maranhão ajudarão em Brumadinho

Flávio Dino anuncia que bombeiros do Maranhão ajudarão em Brumadinho

Pelo Twitter, o governador do Maranhão Flávio Dino (PCdoB) anunciou na noite deste domingo (27) que bombeiros de seu estado serão enviados a Brumadinho (MG) para auxiliar nas operações de resgate às vítimas do rompimento da barragem da mineradora Vale.  ... 

Leia mais

21 de novembro de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Bloco de centro-esquerda vai tomando corpo no Congresso

Bloco de centro-esquerda vai tomando corpo no Congresso

A construção de um bloco que una os partidos de oposição de centro-esquerda e esquerda avança na Câmara e no Senado.

Parlamentares e dirigentes do PT, PDT, PSB, PROS e PCdoB estiveram reunidos na manhã desta terça-feira (21) para formatação do bloco.

Os deputados Orlando Silva (PCdoB-SP), André Figueiredo (PDT-CE), Alessandro Molon (PSB-RJ) e Tadeu Alencar (PSB-PE), debateram com o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB) o cenário e a posição das legendas frente ao governo de Jair Bolsonaro.

Dino afirmou nas redes sociais que a conversa foi “boa” e que houve diálogo positivo sobre “desafios para o campo popular e sobre a formação de bloco parlamentar”.

O líder da bancada pedetista, André Figueiredo, afirmou que o tom entre as lideranças foi de “construção de uma frente de esquerda que faça um novo modelo de oposição”.

“Debatemos a união de partidos do campo democrático por projeto de desenvolvimento e união. A pauta aqui é o Brasil!”, disse.

Nesta quarta-feira haverá uma outra rodada de conversas, desta vez entre as fundações dos partidos. O encontro que acontecerá na sede do PDT, em Brasília, e no próximo dia 29 de novembro também será marcado com um ato político de lançamento da Frente Ampla e Democrática contra o Fascismo.

Juntos, os partidos somam 143 votos na Câmara.

As informações são do

Portal Vermelho ... 

Leia mais

12 de novembro de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Flávio Dino decreta Escolas com Liberdade e Sem Censura no Maranhão

Flávio Dino decreta Escolas com Liberdade e Sem Censura no Maranhão


O governador do Maranhão, Flávio Dino, do PCdoB, decretou nesta segunda-feira (12) “Escolas com Liberdade e Sem Censura” no estado, nos termos do artigo 206 da Constituição Federal.

Assim, so professores, alunos e funcionários de escolas públicas do Estado são livres para expressar seus pensamentos e opiniões no ambiente escolar.

“Editei agora Decreto garantindo Escolas com Liberdade e Sem Censura no Maranhão, nos termos do artigo 206 da Constituição Federal. Falar em “Escola Sem Partido” tem servido para encobrir propósitos autoritários incompatíveis com a nossa Constituição e com uma educação digna”. afirmou o governador.

O decreto de Dino é uma resposta ao projeto de lei “Escola sem Partido” defendido por alguns seguimentos conservadores e pelo próprio presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) porque são contrários ao que chamam de “doutrinação ideológica” nas escolas.
Leia mais

9 de outubro de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Haddad recebe apoio de governadores do Nordeste

Haddad recebe apoio de governadores do Nordeste

O candidato do PT a presidência da República, Fernando Haddad, recebeu nesta terça-feira (9) o apoio de quatro governadores nordestinos, reeleitos em primeiro turno: do Piauí, Wellington Dias (PT); do Ceará, Camilo Santana (PT); da Bahia, Rui Costa (PT); e do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB).

Eles participaram da reunião ampliada da Executiva nacional do PT, presidida pela senadora e presidente do partido, Gleisi Hoffmann, eleita deputada federal.

O candidato petista comemorou as adesões. “Uma honra poder contar com vocês! Vamos juntos ganhar essa eleição”, disse Haddad.

Governadores de outros estados, como Ricardo Coutinho, da Paraíba, e Paulo Câmara, de Pernambuco, também declarar apoio à eleição de Haddad.

Com informações do 247 e Agências Leia mais

8 de outubro de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Flávio Dino derrota família Sarney novamente no Maranhão

Flávio Dino derrota família Sarney novamente no Maranhão

Flávio Dino (PCdoB) foi reeleito governador do Maranhão com quase 60% dos votos. Roseana Sarney (MDB) ficou com 30%. Os candidato ao Senado Sarney Filho (PV) e Edison Lobão (MDB) também foram derrotados.

Foram eleitos senadores pelo Maranhão Weverton Rocha (PDT), Eliziane Gama (PPS). Ambos da coligação encabeçada por Flávio Dina; completando a derrota do clã Sarney.

A reeleição leva Dino ao segundo mandato como governador. A coligação que apoiou a candidatura teve o nome “Todos pelo Maranhão”. Foi composta pelo PCdoB, PDT, PRB, PPS, PTB, DEM, PP, PR, PTC, PPL, PROS, AVANTE, PEN, PT, PSB e Solidariedade.

Flávio Dino de Castro e Costa é formado em Direito pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA), tem 50 anos e é advogado, ex-juiz federal e professor de Direito Constitucional na UFMA, atualmente licenciado.

Com informações do

G1 ... 

Leia mais

8 de maio de 2018
por Redacao
Comentários desativados em Governador Flávio Dino ‘encolheu’ pré-candidatura de Manuela do PCdoB

Governador Flávio Dino ‘encolheu’ pré-candidatura de Manuela do PCdoB

As declarações do governador Flávio Dino (PCdoB) na Folha de São Paulo, nesta terça-feira(8), “encolheram” a pré-candidatura presidencial de Manuela D’Ávila, a Manu do PCdoB. Segundo Dino, colega de partido de Manuela, a esquerda precisa se “unificar em torno de Ciro Gomes”, formando uma frente única contra a direita e o golpismo, caso o ex-presidente Lula não consiga disputar as eleições.

A deputada gaucha, que oscila nas pesquisas entre 1% a 3%,  é uma âncora pesada para o PCdoB no Maranhão e demais estados do nordeste, onde o partido necessita eleger deputados federais e tentar superar a cláusula de barreira. Em estados como Minas Gerais, Bahia e Ceará, a legenda opera alianças e palanques com o PT.

No Maranhão, Flávio Dino vai enfrentar nas urnas, mais uma vez, a quase centenária oligarquia dos Sarney’s. O governador comunista precisa assegurar também o legado e o prestígio de Lula no estado para o seu palanque.

No PCdoB, há quem defenda uma saída à francesa para a pré-candidatura de Manuela ou uma vaga de vice numa candidatura do campo. Restar saber o “tempo político” da operação retirada. O fato é que Flávio Dino jogou todo o seu peso interno no partido para “encolher” a pré-candidatura de Manuela.

Como diz o adágio popular, para um bom entendedor meia palavra basta. Leia mais

10 de abril de 2018
por Esmael Morais
2 Comentários

O prisioneiro político Lula, segundo os nove governadores; assista

O Blog do Esmael publica os testemunhos de nove governadores sobre o prisoneiro político Lula. Eles estiveram hoje (10) em Curitiba para prestar solidariedade e visitar o ex-presidente, mas foram barrados por Moro. Abaixo, confira os vídeos.

Waldez Góes, governador do Amapá ... 

Leia mais

16 de março de 2018
por Eugênio Aragão
Comentários desativados em APP vai ao STF contra Beto Richa e o corte no salário dos professores

APP vai ao STF contra Beto Richa e o corte no salário dos professores


A APP Sindicato foi ao Supremo Tribunal Federal (STF) tentar reverter o corte no salário dos professores do Paraná. Foi protocolada uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) contra o calote de 13,29% que o governador Beto Richa (PSDB) aplicou nos professores admitidos por processo seletivo simplificado (PSS). Enquanto o Paraná diminui os salários,

Flávio Dino (PCdoB) do Maranhão dá exemplo ... 

Leia mais

10 de maio de 2016
por Esmael Morais
1 Comentário

Especulações e ilegitimidades

especula

Uma rocambolesca novela antirrepublicana, é como o deputado federal Enio Verri (PT) define, em sua coluna semanal, o golpe em forma de processo de impeachment da presidenta Dilma; que a cada dia fica mais confuso e ilegítimo. Independente das motivações do presidente interino da Câmara, Waldir Maranhão (PP-MA), para anular a votação do dia 17 de abril, o episódio só serviu para escancarar ainda mais os atropelos do processo golpista. Leia a seguir.  Leia mais

3 de dezembro de 2015
por Esmael Morais
34 Comentários

Nordeste em peso contra o golpe; Sul sobe no muro; que feio!

Os governadores do Nordeste contestaram de forma unânime a tese de impeachment acolhida por Eduardo Cunha, réu por corrupção e lavagem de dinheiro, com apoio do tucano Aécio Neves, derrotado nas últimas eleições.

Em nota, os governadores Rui Costa (PT–BA), Ricardo Coutinho (PSB–PB), Flávio Dino (PCdoB–MA), Paulo Câmara (PSB–PE), Robinson Farias (PSD–RN), Camilo Santana (PT–CE), Wellington Dias (PT–PI), Jackson Barreto (PMDB–SE) e Renan Filho (PMDB–AL) manifestam repúdio ao que chamam de “absurda tentativa de jogar a Nação em tumultos derivados de um indesejado retrocesso institucional”.

Já no Sul, os governadores de Santa Catarina (Raimundo Colombo PSD), do Paraná (Beto Richa, do PSDB) e do Rio Grande do Sul (José Ivo Sartori, do PMDB) ainda não se pronunciaram e estão em cima do muro.

Seria de se esperar que Beto Richa, pelo alinhamento e solidariedade a Aécio neves, também apoiasse o golpe do impeachment. Mas o Ministério Público de Contas do Paraná aponta irregularidades nas contas do governo estadual que são bem piores das que sustentam o pedido contra Dilma. Isso sem falar nas denúncias de corrupção cada vez mais perto do Palácio Iguaçu.

Raimundo Colombo (SC) tende a ser simpático a Dilma. Sartori (RS) deve ficar em cima do muro mesmo.

Em Curitiba, o prefeito Gustavo Fruet (PDT), que tem o PT na vice, da mesma forma ficou mudo e calado e assim deve se manter. Aliás, a omissão tem sido seu traço mais forte de personalidade desde que sentou na cadeira de prefeito.

Com informações do Brasil 247 Leia mais