14 de junho de 2016
por esmael
61 Comentários

Cunha cogita renunciar e fazer delação ‘para salvar mulher e filha’

eduardo_cunhaBrasília arde em chamas na noite desta terça-feira (14), após o Conselho de Ética aprovar a cassação do mandato de Eduardo Cunha (PMDB) por 11 votos a 9. A expectativa no Congresso é que ele renuncie e faça delação para salvar a filha e a mulher, que é ré na Lava jato.

Segundo relato de parlamentares ao Blog do Esmael, o próprio Cunha teria admitido em particular a renúncia. Para consumo externo, o presidente afastado tem garantido que lutará na próxima trincheira: a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), etapa anterior à votação da cassação em plenário da Câmara.