2 de dezembro de 2013
por Esmael Morais
7 Comentários

Em resposta a Gleisi, governo Richa jura que não “cochila” no expediente

O governador Beto Richa (PSDB) escalou, nesta segunda (2), o Instituto Ambiental do Paraná (IAP) para responder a ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann (PT), que hoje disse que o tucano perde recursos por que “cochila” no governo (clique aqui para relembrar).

Em uma resposta técnica, evitando o confronto direto, Richa jura que não “cochila” de jeito nenhum. O IAP informa que o Paraná se inscreveu, sim, em um edital do Cadastro Ambiental Rural (CAR) pleiteando R$ 1,2 milhão e noutro, que, segundo o órgão, prioriza somente os Biomas da Amazônia.

Neste final de semana, Gleisi e a colega do Ministério do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, em Marechal Cândido Rondon, região Oeste do Paraná, desmentiram a versão de que outros estados !” como Pará e Tocantins !” foram privilegiados com mais recursos do CAR. Segundo as ministras, o governo Richa perdeu recursos porque não inscreveu o estado no em dois editais abertos pelo programa.

A seguir, leia a íntegra da nota do governo Beto Richa:

NOTA RESPOSTA

O Instituto Ambiental do Paraná (IAP), órgão responsável pela implantação do CAR no Paraná, informa que enviou ao Ministério do Meio Ambiente o projeto para pleitear recursos para o CAR.

Em um dos editais disponibilizados pelo Ministério para o CAR, o Paraná enviou o seu projeto e aguarda o posicionamento do Ministério que, por sua vez, aguarda aprovação do Banco Mundial. Neste documento, o montante a ser financiado pleiteado pelo Estado é de R$ 1 milhão e 200 mil e o valor foi reduzido para cerca de R$ 450 mil. O montante deste recurso foi definido pelo próprio Ministério do Meio Ambiente e será custeado pelo Banco Mundial.

Como neste edital podiam ser contemplados somente áreas com Bioma Cerrado, foi possível inserir somente os municípios abrangidos por esse bioma no Paraná (7 dos 399 municípios).

As informações foram repassadas pelo próprio Ministério do Meio Ambiente durante a última Reunião Ordinária da Associação Brasileira de Entidades Ambientais (Abema), no dia 26 de novembro, em Brasília.

O outro edital gerenciado pelo Fundo Amazônia, prioriza tão somente os Biomas da Amazônia, Cerrado e Caatinga. Mesmo assim, o Estado do Paraná está pleiteando recursos em parceria com Simepar e demais ONGs do Estado.

Destaca-se que 98% do territ Leia mais

Esmael Morais 2009-2018. O Blog do Esmael é liberto das excludentes convenções mercantis Copyright ©. O site não cobra pelos direitos autorais, portanto, pode e deve ser reproduzido no todo ou em parte, além de ser liberado para distribuição desde que preservado seu conteúdo e o nome do autor. | A política como ela é em tempo real.

Topo