Blog do Esmael

A política como ela é em tempo real.

1 de novembro de 2013
por esmael
9 Comentários

Coluna do Ricardo Mac Donald: “Curitiba pode sofrer um ‘caladão’ em 1 mês”

Ricardo Mac Donald alerta em sua coluna semanal para um possível caladão!, daqui um mês, se operadoras de telefone fixo e TV a cabo não cumprirem as normas técnicas e fazerem a limpeza de postes nas ruas e avenidas de Curitiba; Copel foi contratada para instalar de fiação, mas empresas se eximem da responsabilidade de manutenção; Curitiba foi tomada por uma avalanche de fios caídos nas calçadas ou enroscados nos postes, num emaranhado de linhas que mais parecem um ninho de urubu!, reclama o capitão do time do prefeito Gustavo Fruet (PDT); colunista denuncia ainda que empresas instalaram postes clandestinos!; em 30 dias, ele promete iniciar processo de limpeza: as pessoas e empresas estabelecidas nas ruas serão alertadas sobre o risco de ficarem sem telefone fixo e TV a cabo!; leia o texto.

Ricardo Mac Donald alerta em sua coluna semanal para um possível caladão!, daqui um mês, se operadoras de telefone fixo e TV a cabo não cumprirem as normas técnicas e fazerem a limpeza de postes nas ruas e avenidas de Curitiba; Copel foi contratada para instalar de fiação, mas empresas se eximem da responsabilidade de manutenção; Curitiba foi tomada por uma avalanche de fios caídos nas calçadas ou enroscados nos postes, num emaranhado de linhas que mais parecem um ninho de urubu!, reclama o capitão do time do prefeito Gustavo Fruet (PDT); colunista denuncia ainda que empresas instalaram postes clandestinos!; em 30 dias, ele promete iniciar processo de limpeza: as pessoas e empresas estabelecidas nas ruas serão alertadas sobre o risco de ficarem sem telefone fixo e TV a cabo!; leia o texto.

por Ricardo Mac Donald*

Nos últimos anos, Curitiba foi tomada por uma avalanche de fios caídos nas calçadas ou enroscados nos postes, num emaranhado de linhas que mais parecem um ninho de urubu. As pessoas acreditam que são restos de fios roubados ou caídos pela ação do vento, porém a responsabilidade é das operadoras de TV a cabo e de telefonia, que, em Curitiba, somam dezenove empresas. Leia mais