7 de novembro de 2016
por Esmael Morais
36 Comentários

Coração de pedra, Temer CORTA 5 milhões de pessoas do Bolsa Família, mas mantém ricos no Bolsa Empresário de R$ 270 bi

temer_dilma_bolsaO governo golpista de Michel Temer (PMDB) deu mais uma mostra a que veio: para ferrar os mais pobres e privilegiar os mais ricos. Leia mais

13 de outubro de 2016
por Esmael Morais
36 Comentários

Alvaro Dias pede mais transparência no BNDES

alvaro_bndesO senador Alvaro Dias (PV-PR), em sua coluna de hoje (13), afirma que o contribuinte brasileiro porque acaba subsidiando a diferença entre o juro pago pelo governo e o juro pago pela empresa beneficiada com empréstimo do BNDES. O parlamentar pede fim ao sigilo das transações entre o banco e nações. “Não há por que não conferir publicidade a esses atos da Administração Pública”, advoga Alvaro. Leia mais

14 de agosto de 2016
por Esmael Morais
15 Comentários

Carlos Lessa denuncia hoje, em Curitiba, que Michel Temer quer privatizar o Brasil

requiao_lessa_circoO economista Carlos Lessa participará neste domingo (14), às 18 horas, do Circo da Democracia, em Curitiba, onde ele vai denunciar o desvio do papel do BNDES em tempos de golpe de Estado. Segundo ele, o interino Michel Temer quer utilizar o banco de desenvolvimento e fomento para fazer corretagem na venda de ativos de estatais. Leia mais

15 de julho de 2016
por Esmael Morais
172 Comentários

Com arquivamento de denúncia contra Dilma, senadores decretam o fim do impeachment

MPF_senadoresO Ministério Público Federal mandou arquivar a denúncia criminal referente às chamadas “pedaladas fiscais” da presidente Dilma Rousseff. Diante da falta de objeto de investigação, parlamentares decretam o fim do impeachment no Senado. Leia mais

11 de julho de 2016
por Esmael Morais
56 Comentários

Se não há crime de Dilma, por que o Supremo não acaba com a palhaçada do impeachment?

marx_gleisiA senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), em sua coluna publicada aqui no Blog do Esmael, relatou nesta segunda (11) que o procurador da República Ivan Claudio Marx, do Distrito Federal, determinou o arquivamento da investigação criminal que apurava se o atraso nos repasses do governo ao BNDES, as chamadas “pedaladas fiscais”. Para o procurador, a presidente Dilma Rousseff não cometeu crime de responsabilidade. Leia mais

11 de julho de 2016
por Esmael Morais
55 Comentários

Gleisi Hoffmann: O golpe foi desmascarado. E agora Senado?

temer_ufpr_gleisi

A senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), em sua coluna desta segunda (11), diz que o golpe foi desmascarado por completo e chama o Senado à responsabilidade democrática. De acordo com a colunista, todos os argumentos pró-impeachment foram demolidos, a exemplo das supostas “pedaladas fiscais” no Plano Safra e no empréstimo do BNDES, que o próprio Ministério Público Federal disse não ter ocorrido.

Por outro lado, Gleisi acusa o interino Michel Temer (PMDB) de ser o maior pedalador que a história brasileira já produziu. Além de classificar o impeachment de vergonhoso, a senadora denuncia que o golpista deixará um déficit de R$ 170 bilhões em 2016 e divulgou que fará um de R$ 139 bilhões para 2017. Abaixo, leia, comente e compartilhe a íntegra do texto: Leia mais

22 de junho de 2016
por Esmael Morais
28 Comentários

Temer confirma viagem ao Paraná depois de admitir que deu golpe de Estado

temer_globonews_lula_klabinO interino Michel Temer (PMDB) depois de cometer sincericídio, em entrevista ao jornalista Roberto D’Ávila, da GloboNews, confirmou viagem na próxima terça-feira (28) para o município de Telêmaco Borba, no Paraná, para inaugurar nova fábrica da Klabin. Leia mais

8 de junho de 2016
por Esmael Morais
14 Comentários

Alvaro Dias: caminhoneiros de todo o país pedem socorro

alvaro_caminhoneiros

O senador Alvaro Dias (PV-PR), em sua coluna desta quarta (8), relata a situação crítica dos caminhoneiros brasileiros que foram induzidos, segundo ele, a contrair empréstimos em nome de um crescimento econômico que não se concretizou.

O colunista aponta a falta de sinceridade do governo do PT, que cometeu “a pior traição que poderia ser feita àqueles que sonhavam contribuir com o crescimento do Brasil e melhorar a vida de suas famílias”.

Abaixo, leia, ouça, comente e compartilhe a íntegra do texto: Leia mais

2 de junho de 2016
por Esmael Morais
29 Comentários

Privatização da Petrobras vai pagar parte da farra de R$ 150 bilhões do golpe de Temer

farra_golpe_privatizacao_petrobrasA Câmara iniciou na calada da noite de ontem (1º) uma farra que custará, à primeira vista, cerca de R$ 150 bilhões aos cofres públicos nos próximos quatro anos cuja fatura recairá nas privatizações de empresas como a Petrobras.

O ministro interino da Fazenda, Henrique Meirelles, já havia adiantado, horas antes, que o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) vai atuar a privatização da estatal de petróleo, dentre outras, além de retomar as concessões públicas.

Os parlamentares votaram o “pacto do golpe” com o Supremo Tribunal Federal, isto é, o reajuste de até 41% para o judiciário. Essa farra era negada pela presidente eleita Dilma Rousseff, por isso todos — do STF — “estão putos com ela”, para usar uma expressão do senador Renan Calheiros (PMDB-AL), ao justificar os motivos do impeachment. Leia mais

24 de maio de 2016
por Esmael Morais
99 Comentários

Temer anuncia confisco da poupança

temer_confiscoO governo provisório de Michel Temer (PMDB), nesta terça (24), anunciou o confisco da poupança do pré-sal denominada Fundo Soberano. Ele também declarou intenção de reduzir investimentos da saúde e educação e em financiamentos à produção.

O fundo soberano é uma reserva criada em 2008, no governo Luiz Inácio Lula da Silva, cujo saldo chega a R$ 2,4 bilhões.

A poupança soberana era constituída pela sobra do superávit primário que existia naquele momento e com royalties do petróleo. A ideia era utilizar esses recursos para momentos de crise econômica. Leia mais

27 de abril de 2016
por Esmael Morais
19 Comentários

As pedaladas e o conjunto da obra

obra

O senador Alvaro Dias (PV) sustenta que houve crime de responsabilidade por parte da presidenta Dilma Rousseff (PT) e, portanto, defende que ela seja julgada impedida de governar pelo Senado Federal. Além das “pedaladas fiscais” que, segundo o senador, foram alertadas por técnicos do tesouro, haveria o “conjunto da obra” que incluem outras operações financeiras suspeitas na visão de Dias. Leia e ouça sua coluna a seguir.
Leia mais

13 de abril de 2016
por Esmael Morais
10 Comentários

Coluna do Alvaro Dias: A dívida pública e o BNDES na pauta do processo de impeachment

Download áudio

Alvaro Dias*

No debate de causas e consequências da crise político-econômica, entenderemos que há uma relação direta entre Operação Lava-Jato, corrupção no País, impeachment da Presidente da República e as mazelas que afligem o povo brasileiro.

A dívida pública do nosso País hoje passa de R$4 trilhões. Em 2015, gastamos R$962 bilhões no refinanciamento dessa dívida. Isso significa que aplicamos a metade do que arrecadamos no País. A Alemanha, por exemplo, consome menos da metade do que gastamos para a administração da dívida pública.

Até 2018, nossa dívida alcançara 85% do PIB. É uma tragédia com a qual o governo não se preocupa. E sem a administração da dívida, não encontraremos solução para tantos problemas que impedem o crescimento econômico do Brasil, como o caos na saúde, a inflação e o desemprego.

Um dos instrumentos do monumental endividamento do País se chama BNDES.O governo se utiliza do BNDES como artifício para tumultuar a administração pública com uma contabilidade anarquizada. O BNDES passou a ser, portanto, um instrumento de políticas desonestas adotadas pelo governo.

Isso é uma tragédia para o País! Não há ação mais desaver Leia mais

22 de fevereiro de 2016
por Esmael Morais
9 Comentários

Coluna da Gleisi Hoffmann: Mirian Dutra, o fio da meada

Download áudio

Gleisi Hoffmann*

À parte o drama pessoal, o fato é que o relato público de Mirian Dutra sobre sua relação com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, expõe uma intrincada relação entre interesses privados sustentados por favores públicos na era tucana do poder. Por isso, como diz o ditado popular, esse é apenas o fio da meada, que se puxado com vontade, desmancha todo o novelo.

Mirian foi contratada por uma empresa instalada nas Ilhas Cayman, um paraíso fiscal, a Eurotrade. Essa empresa pertencente à Brasif, grupo que operou por muitos anos os free shops no Brasil, lojas sem impostos para produtos estrangeiros. Importante anotar que essa exploração comercial, mesmo concentrando-se em aeroportos públicos, não foi licitada.

Mirian também alega que nunca trabalhou, apenas recebia da empresa e que o pagamento era feito com dinheiro ou a pedido do ex-presidente para complementar seu salário na Rede Globo, que havia sido reduzido depois que estava no exterior. Também informa que seu filho ganhou um apartamento do ex-presidente FHC na Espanha.

O ex-presidente nega que tenha enviado dinheiro à Brasif ou que tenha pedido para ela pagar Mirian. Nega também que o filho é seu por dois exames de DNA feitos com resultados negativos. Perguntas que não querem calar: por que dar um apartamento para alguém que não era seu filho? Por que ajudar a sustentá-lo? Qual a origem dos recursos do ex-presidente para comprar um apartamento desses, uma fazenda no interior de Minas e apartamento em Paris? Sociólogo e professor universitário, nunca constou que tinha recebido grande herança de família. Por que uma empresa com negócios no Brasil e bem relacionada com o poder contrata uma jornalista que não lhe entrega serviço algum?

Mirian continua e coloca seu cunhado e a irmã no caso. Segundo ela, a irmã, Margrit Dutra Schmidt era dona da Polimídia, uma empresa de lobby em sociedade com o marido, Fernando Lemos, que cresceu nos anos 90, com a venda de serviços de gestão de crise e era chamada de “a cunhadinha do Brasil”. Funcionária pública sem nenhuma expressão, tem um patrimônio muito grande. Só o terreno dela, em Trancoso, segundo Mirian, vale mais de 1 milhão de reais. Tem c Leia mais

30 de agosto de 2015
por Esmael Morais
7 Comentários

Por medo de Lula em 2018, Globo volta a atacar porto de Cuba

do Brasil 247
lulaPode até ter sido coincidência, mas, no mesmo dia em que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva anunciou, ao lado do líder uruguaio José Pepe Mujica, que voltou a voar, o grupo Globo, da família Marinho, desferiu um duríssimo ataque a ele.

Na noite de ontem, numa reportagem de seis minutos, totalmente fora dos padrões habituais do Jornal Nacional (confira aqui), a Globo criminalizou a atuação de Lula para que o Brasil financiasse o porto de Mariel, em Cuba, que foi construído pela Odebrecht.

O ataque da Globo se deu a partir de uma reportagem da revista Época, que já está sendo processada pelo ex-presidente. Em nota, o Instituto Lula contestou a denúncia.

“Os jornalistas da Época deveriam saber que todos os grandes países disputam mercados internacionais para suas exportações. E que não fosse o firme empenho do governo brasileiro, para o qual o ex-presidente Lula contribuiu,  talvez o estratégico porto de Mariel fosse construído por uma empresa chinesa, ou os cubanos estivesses assistindo novelas mexicanas”, diz a nota. Leia mais

26 de agosto de 2015
por Esmael Morais
13 Comentários

Requião: “Nada de impeachment. O povo tem que aprender com o erro”; assista ao vídeo

requiao_tvO senador Roberto Requião (PMDB-PR), em entrevista ao programa Espaço Público, na TV Brasil, disse ontem (25) à noite que é contra o impeachment da presidenta Dilma Rousseff (PT) e do governador Beto Richa (PSDB).

“Nada de impeachment. O povo tem que aprender com o erro”, declarou o peemedebista. “Sou contra impeachment até do piá de prédio [Beto Richa] no Paraná. O povo tem que aprender com isso”, afirmou.

Assista trecho da entrevista

O parlamentar falou sobre economia, política, investigações na Petrobras e BNDES, mas, acima de tudo, ele propôs um projeto nacional‏ em contraponto ao neoliberalismo.

Requião também sugeriu a expropriação das empreiteiras implicadas na Lava Jato visando capitalizar a Petrobras e as estatais estratégicas ao país.

Assista à entrevista completa: Leia mais

15 de julho de 2015
por Esmael Morais
24 Comentários

No bico do corvo, Eduardo Cunha promete retaliação contra o Planalto

do Brasil 247
cunha_corvoA Operação Politeia, da Lava Jato, que realizou buscas e apreensão contra três senadores, deixou o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) em alerta.

Ele confidenciou que espera ser denunciado pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, e promete retaliar o Planalto – em referência ao depoimento do executivo Júlio Camargo, que fez acordo de delação premiada com o Ministério Público Federal.

O peemedebista teria avisado o vice-presidente Michel Temer (PMDB) que irá instalar CPIs prejudiciais ao governo na volta do recesso parlamentar: a do BNDES e a dos fundos de pensão. Leia mais

16 de julho de 2014
por Esmael Morais
14 Comentários

‘Banco e fundo dos Brics não são contra ninguém’, avisa Dilma

do Brasil 247
Em coletiva de imprensa concedida após a plenária da VI Cúpula dos Brics, em Fortaleza (CE), na noite desta terça-feira 15, a presidente Dilma Rousseff rebateu a tese de que o novo banco de desenvolvimento e o arranjo contingente de reservas, pelos países do bloco !“ Brasil, Rússia, China, àndia e àfrica do Sul !“ foram criados para fazerem frente ao FMI (Fundo Monetário Internacional) e ao Banco Mundial.

“Essas instituições não são contra ninguém, elas são a nosso favor, é uma outra perspectiva. Elas são a favor dos países Brics, mas também são a favor dos países em desenvolvimento”, afirmou. Dilma garantiu que o banco e o arranjo contingente olharão com atenção para países em desenvolvimento com regras bastante claras e firmes a respeito da sustentabilidade econômicas das instituições.

A presidente também disse que o Brasil não perde ao não presidir o Banco dos Brics. Segundo ela, houve um consenso entre os países para que a àndia indicasse o primeiro presidente por ter sido o país que propôs a instituição. “O banco foi fruto de um grande consenso e terá um novo imenso poder de alavancar recursos”, ressaltou. Sobre a sede em Xangai, Dilma disse que o primeiro-ministro da China, Xi Jinping, está empenhado em definir um local o mais cedo possível.

“A àndia propôs o Banco dos Brics e nós propusemos o Acordo Contingente de Reservas. Então, todos nós consideramos que era justo que a primeira presidência ficasse com o país que tinha proposto, no caso, a àndia, foi justamente isso. A segunda presidência, no rodízio, seria, então, do Brasil. E o Acordo Contingente de Reserva não tem presidência, mas é bom que se diga que foi uma iniciativa do governo brasileiro, ao longo desse tempo”, explicou.

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, disse também nesta terça-feira que outros países emergentes já estão interessados em participar do recém-criado banco de desenvolvimento do Brics. Ele afirmou ainda que a nova instituição não vai competir com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e outros bancos de fomento para financiamentos, como os voltados para infraestrutura.

Leia mais

3 de abril de 2014
por Esmael Morais
16 Comentários

Pessuti pede exoneração da Itaipu e confirma disputa no PMDB do PR

Para provar que não está blefando, Orlando Pessuti divulgou nesta quinta (3) cópia de pedido de exoneração encaminhado à  presidenta Dilma; ex-governador estava lotado nos conselhos da Itaipu e BNDES; desligamentos de órgãos governamentais confirmam disposição de encarar Requião na convenção estadual do PMDB; bombeiros! trabalham pela unificação das duas principais lideranças do partido em uma única chapa; acordo na sigla seria mais ou menos esse: ao perdedor na convenção estadual da legenda caberia a indicação do vice-governador e do candidato ao Senado.

Para provar que não está blefando, Orlando Pessuti divulgou nesta quinta (3) cópia de pedido de exoneração encaminhado à  presidenta Dilma; ex-governador estava lotado nos conselhos da Itaipu e BNDES; desligamentos de órgãos governamentais confirmam disposição de encarar Requião na convenção estadual do PMDB; bombeiros! trabalham pela unificação das duas principais lideranças do partido em uma única chapa; acordo na sigla seria mais ou menos esse: ao perdedor na convenção estadual da legenda caberia a indicação do vice-governador e do candidato ao Senado.

De olho na candidatura do PMDB ao Palácio Iguaçu, o ex-governador Orlando Pessuti informou nesta quinta (3) que pediu exoneração do cargo de conselheiro administrativo de Itapu Binacional e que também já deixou em fevereiro cargo semelhante no BNDES. ... 

Leia mais

24 de fevereiro de 2014
por Esmael Morais
44 Comentários

Com Lula em Cuba, àlvaro questiona empréstimos do BNDES

do Brasil 247
O senador àlvaro Dias (PSDB), vice-líder do PSDB, ingressou, nesta segunda-feira (24), com mandado de segurança no Supremo Tribunal Federal (STF) para que o tribunal obrigue o governo federal a divulgar informações sobre contratos firmados entre o BNDES e os governos de Cuba e Angola. Em 2012, o BNDES desembolsou US$ 875 milhões para os dois países. O pedido é feito no dia em que o ex-presidente Lula viajou a Cuba para visitar o Porto de Muriel (leia mais aqui), construído com recursos do BNDES.

O pedido de àlvaro Dias recorreu ao STF depois que o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior lhe negou acesso à s informações. O mandado de segurança é contra a presidente Dilma Rousseff, o ministro Mauro Borges Lemos (MDIC) e o presidente do BNDES, Luciano Coutinho, por “ato atentatório à  moralidade e à  transparência pública”.

Dias entregou o pedido ao presidente do STF, Joaquim Barbosa, que prometeu encaminhá-lo até amanhã para um ministro relator analisar o caso. “à‰ direito líquido e certo de qualquer parlamentar provocar atos de fiscalização, com base em prerrogativa constitucional da Casa a que pertença. Lamentavelmente, nada parece obrigar o Poder Executivo federal a expor suas negociações internacionais nem mesmo ao Poder que lhe é controlador por excelência”, disse o senador.

O tucano pede, no mandado de segurança, “pleno acesso” aos documentos e informações relativos à s operações do BNDES junto aos dois países. Também afirma que, se o pedido for negado, que haja uma determinação para que o ministério e o governo repassem as informações à  oposição. O senador ainda pede a notificação das “autoridades coatoras” !“Dilma, Coutinho e Lemos!“ para que apresentam as informações no prazo legal.

Leia mais

23 de fevereiro de 2014
por Esmael Morais
40 Comentários

Lula vai a Cuba discutir tentativa de golpe de Estado na Venezuela

da Rede Brasil Atual
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva viajará amanhã (24) para Havana, onde será recebido na terça-feira pelo presidente cubano, Raúl Castro, segundo informou neste domingo sua assessoria de imprensa. Lula permanecerá em Cuba até quinta-feira e durante sua visita se reunirá também com outros líderes do governo cubano.

Durante a viagem, o ex-presidente falará sobre energia e produção agrícola com os dirigentes cubanos e também conhecerá o porto de Mariel, no oeste da ilha, projeto realizado com apoio do Brasil.

Em 27 de janeiro, a presidente Dilma Rousseff e Raúl Castro inauguraram a primeira fase do porto do Mariel, cuja construção foi negociada por Lula.

O terminal, situado a 45 quilômetros ao oeste de Havana, está sendo construído pela Odebrecht e contou com um financiamento de US$ 682 milhões do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Em sua última viagem à  ilha, em janeiro do ano passado, Lula também visitou as obras do porto, construído para ser a principal porta de entrada e saída do comércio exterior cubano.

Como informou o 247 na semana passada, ex-presidente Lula, na qualidade de maior liderança da esquerda latino-americana, desembarcará em Havana para conversas com Raúl e Fidel Castro, uma vez que Cuba seria o país mais afetado pela queda do regime chavista na Venezuela (leia mais aqui).

Leia mais