No Paraná, PF investiga aloprado em ‘campanha suja’ pró-Richa

A Polícia Federal (PF) tenta localizar um “mocó” em Curitiba que esconde materiais de ‘campanha suja’ do PSDB contra adversários do governador Beto Richa. Segundo o ex-secretário da Educação, Maurício Requião, um coordenador da campanha tucana foi ao comitê peemedebista “vender” por R$ 500 mil…

Compartilhe agora
Leia mais No Paraná, PF investiga aloprado em ‘campanha suja’ pró-Richa