26 de novembro de 2013
por esmael
32 Comentários

Coluna do André Vargas: “Paraná quebrado, refém do crime e da violência”

André Vargas, em sua coluna desta terça, acusa o governador Beto Richa (PSDB) de quebrar o Paraná; segundo denúncia do parlamentar, furo no caixa do estado chega a R$ 4 bilhões; petista volta à  questão dos números da criminalidade, aponta descompromisso com a segurança pública, apontando viaturas da PM sem combustível, telefones cortados e falta de alimentação para policiais em serviço; colunista diz ainda que a sociedade está refém do crime e da violência; Um Paraná irreal, com àndices de Desenvolvimento Humano (IDH e EDEB) abaixo do desejado, que nos envergonham, além do descontentamento crescente de professores, diretores, pais de alunos e alunos!, escreve o vice-presidente da Câmara; leia o texto.

André Vargas, em sua coluna desta terça, acusa o governador Beto Richa (PSDB) de quebrar o Paraná; segundo denúncia do parlamentar, furo no caixa do estado chega a R$ 4 bilhões; petista volta à  questão dos números da criminalidade, aponta descompromisso com a segurança pública, apontando viaturas da PM sem combustível, telefones cortados e falta de alimentação para policiais em serviço; colunista diz ainda que a sociedade está refém do crime e da violência; Um Paraná irreal, com àndices de Desenvolvimento Humano (IDH e EDEB) abaixo do desejado, que nos envergonham, além do descontentamento crescente de professores, diretores, pais de alunos e alunos!, escreve o vice-presidente da Câmara; leia o texto.

por André Vargas*

Ao mesmo tempo em que o governo Beto Richa divulgava números e índices da violência e criminalidade, numa tentativa de explicar denúncias que fizemos sobre a falência da segurança pública no Paraná (clique aqui para relembrar), uma onda de violência tomava conta da região do Bairro Novo B, no Sítio Cercado, em Curitiba. Um jovem era morto dentro de casa. Leia mais