Até Dallagnol discordou da decisão do ministro Fux

O procurador federal e coordenador da Lava Jato, Deltan Dallagnol, usou o Twitter na tarde desta quinta-feira para discordar da decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, que suspendeu as investigações sobre as movimentações financeiras atípicas de Fabrício Queiroz, ex-assessor do senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ). LEIA…

Ler Mais Até Dallagnol discordou da decisão do ministro Fux